top of page
  • Foto do escritorPr. Henrique Lino da Silva

Reino



"Mas ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que fechais aos homens o reino dos céus; e nem vós entrais nem deixais entrar aos que estão entrando." (Mateus 23.13)

Temos que entender que todos os "ais" de Jesus simbolizam condenação, e agora veremos vários deles aqui. A hipocrisia dominante em igrejas, onde colocam doutrinas e preceitos dificultando às pessoas permanecerem no Senhor; pregam mentira, comércio, negócio, e isto abala a fé de muitos, e faz com que se afastem das igrejas, ou, se continuam indo, já não creem mais como deveriam, e estes pregadores, supostos pastores estão mortos espiritualmente, indo para o inferno e levando muitos.

"Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que devorais as casas das viúvas, sob pretexto de prolongadas orações; por isso sofrereis mais rigoroso juízo.” (Mateus 23.14). Pastores e pregadores que não pregam a Palavra verdadeira, que preferem fazer longas e emotivas orações, fazendo as pessoas crerem que somente por aquelas orações poderão ficar livres de tudo, e por isto não se preocupam em abandonar os pecados; orações vazias que simplesmente emocionam, mas as pessoas continuam na mesma.

"Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que percorreis o mar e a terra para fazer um prosélito; e, depois de o terdes feito, o fazeis filho do inferno duas vezes mais do que vós.” (Mateus 23.15). Igrejas e pastores, que fazem campanhas, e supostos evangelismos, eventos para atrair pessoas para a igreja, porém, o objetivo é somente números, pois não tem uma pregação legítima de salvação, de arrependimento, de conversão, mas, sim um oferecimento de bênçãos desmedidas e anti-bíblicas. Isso transforma estas pessoas em religiosas, e torna o atual estado delas pior do que antes, conduzindo-as a morte e ao inferno.

"Ai de vós, condutores cegos! pois que dizeis: Qualquer que jurar pelo templo, isso nada é; mas o que jurar pelo ouro do templo, esse é devedor.” (Mateus 23.16). Estes guias, pastores, missionários, evangelistas, apóstolos, bispos, conferencistas e outros tantos adjetivos, que amam pregar sobre prosperidade, gostam de falar sobre ofertar, como se somente ofertar, melhor dizendo, dar dinheiro na igreja fosse a solução de todos os problemas.

"Insensatos e cegos! Pois qual é maior: o ouro, ou o templo, que santifica o ouro? E aquele que jurar pelo altar isso nada é; mas aquele que jurar pela oferta que está sobre o altar, esse é devedor.” (Mateus 23.17-18). Desafios, fogueiras santas, campanhas, disto e daquilo, mas, sempre com envelopes, fazem com que as pessoas creiam na oferta que estão dando, fazendo-as acreditar que isto é a solução dos problemas, transformando Deus em um ser corrupto que aceita negociação; estes pregadores fazem com que o povo seja praticamente obrigado a pegar envelopes para trazer ofertas e se sinta culpado diante de Deus por não cumprir o mandado destes.

"Insensatos e cegos! Pois qual é maior: a oferta, ou o altar, que santifica a oferta? Portanto, o que jurar pelo altar, jura por ele e por tudo o que sobre ele está;” (Mateus 23.19-20). Ensinando o povo a crer e a confiar na oferta que dá e não no Senhor, porque este povo precisa aprender que tudo depende exclusivamente do Senhor, do seu socorro, uma vez que homem algum, ou oferta alguma pode suprir a necessidade do Senhor, ou melhor, não pode eliminar a conversão legítima e verdadeira.

"E, o que jurar pelo templo, jura por ele e por aquele que nele habita; E, o que jurar pelo céu, jura pelo trono de Deus e por aquele que está assentado nele.” (Mateus 23.21-22). A fé tem que estar é no Senhor, não em igrejas, ou pastores, e a única maneira de mostrar a nossa fé é se convertendo, mudando as atitudes e vivendo de acordo com os preceitos estabelecido; não se pode colocar a fé em aneizinhos, toalhinhas, água ou óleo, mas sim no Senhor.

"Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; deveis, porém, fazer estas coisas, e não omitir aquelas.” (Mateus 23.23). Dízimo é mandamento do Senhor, devemos devolver, e não dar, pois tudo o que vem a nós, dez por cento pertence a Ele. Devemos praticar a fé e a misericórdia, não só a devolução dos dízimos.

"Condutores cegos! que coais um mosquito e engolis um camelo.” (Mateus 23.24). Pastores e líderes que pregam sobre dízimos e ofertas mas não pregam sobre praticar a fé, pois quem tem fé no Senhor, abandona os erros e pecados e não se permite viver em desobediência, e também pratica a misericórdia, porque é mandamento devolver o dízimo de tudo o que ganhamos; mas estes supostos líderes pregam, dão ênfase às ofertas e aos dízimos e esquecem da fé; isto porque eles também não tem e vivem em desobediência.

"Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que limpais o exterior do copo e do prato, mas o interior está cheio de rapina e de iniqüidade.” (Mateus 23.25). Pastores e líderes que pregam a mentira, um amor anti-bíblico, que são coniventes com o pecado, que demonstram uma religiosidade, uma santidade que ele não tem, que simplesmente vivem de aparência, oram cantam falam em línguas, mas, vivem em desobediências.

"Fariseu cego! limpa primeiro o interior do copo e do prato, para que também o exterior fique limpo. Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que sois semelhantes aos sepulcros caiados, que por fora realmente parecem formosos, mas interiormente estão cheios de ossos de mortos e de toda a imundícia. Assim também vós exteriormente pareceis justos aos homens, mas interiormente estais cheios de hipocrisia e de iniqüidade.” (Mateus 23.26-28).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe. Um abraço, Pr. Henrique Lino

Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco. O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - Temos como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalhamos voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Buscamos obedecer ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page