• Pr. Henrique Lino da Silva

O SENHOR VIROU MEU CATIVEIRO


O Senhor virou meu cativeiro

Vanessa Pereira São Paulo -SP Telefone -11-99xxxx550 E-mail:[email protected]

Isaías capitulo 41 – versículos 10 ao 13

10 Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a destra da minha justiça.

11 Eis que, envergonhados e confundidos serão todos os que se indignaram contra ti; tornar-se-ão em nada, e os que contenderem contigo, perecerão.

12 Buscá-los-ás, porém não os acharás; os que pelejarem contigo, tornar-se-ão em nada, e como coisa que não é nada, os que guerrearem contigo.

13 Porque eu, o Senhor teu Deus, te tomo pela tua mão direita; e te digo: Não temas, eu te ajudo.

A paz do Senhor a todas as pessoas abençoadas do Senhor que chegaram a esse ministério tão maravilhoso, canal de bênção nas nossas vidas. Quero compartilhar com vocês meu testemunho de casamento restaurado por Deus.

Tudo começou em meados de novembro/dezembro de 2011, quando comecei a perceber meu marido muito distante, mas como eu era bastante arrogante e orgulhosa, não dei muita confiança para o que estava acontecendo, ao contrário, por ele estar esquisito eu o desafiava cada vez mais. Eu sabia muito bem como ser uma mulher tola. 

Estava afastada dos caminhos do Senhor e não tinha qualquer comunhão com Deus, mas Ele tinha um plano para me atrair e certa manhã o Senhor me visitou através de uma visão e o Espírito Santo me disse que eu passaria por dias muito difíceis, mas que eu iria vencer. E então, quando acordei os dias difíceis começaram.

Comecei a perceber que havia algo muito errado, porém, ele sempre negava, e como eu achava que ele era incapaz de me trair, eu sempre acreditava que ele poderia estar falando a verdade, com isso, eu concluía que eu era louca e que sobretudo, ainda estava sugerindo mulheres para o meu marido.

Minha vida virou de cabeça para baixo, cada dia eu ficava mais nervosa e mais oprimida, cada dia eu cobrava mais dele e cada dia ele se afastava mais, com isso, Deus começou a enviar pessoas para me ajudar com aconselhamento e oração, então, comecei a me aproximar do Senhor, mas não tinha fé e nem muita convicção que deveria mesmo buscar a restauração do meu casamento. Enquanto isso, as coisas iam de mal a pior, embora, o Senhor com profunda misericórdia se compadecesse de mim.

No início do processo, ficamos um mês separados dentro da mesma casa, porém quando nos reconciliamos, ficamos vários meses juntos sem melhora, então sai de casa. Nesse tempo busquei a Deus com mais confiança e com 25 dias fora de casa meu marido foi me buscar, que alegria, após a reconciliação eu fiquei gravida, porém, com aproximadamente 1 mês do meu retorno para casa foi a vez do meu marido sair, quando descobri a gravidez ele já havia me deixado. Nesse tempo o Senhor já havia me revelado que se tratava de uma batalha espiritual, porém, eu tinha muita dificuldade para compreender, enquanto isso, meu marido ia e voltava dizendo que me amava, mas não conseguia ficar…

Muitas coisas ruins aconteceram que não vale a pena detalhar, afinal esse testemunho é para a Glória de Deus e não para listar tudo o que o inimigo faz, mas em resumo posso dizer que todo tipo de humilhação, desprezo, perturbação, opressão, medo e vergonha ahhh isso eu passei… e como doeu.. 

Eu descobri sobre a OM quando ainda estava gravida, mesmo assim, as idas e  vindas continuaram, a OM usou de todo tipo de amarração, macumba e afins, para nos separar, pois o Senhor sempre revelava e sempre que ela fazia algo novo eu sentia uma terrível opressão. Poucos meses após o nascimento da minha filha, meu marido saiu de casa para ir morar com ela. Todos esses acontecimentos transformaram minha vida num verdadeiro inferno, porque ele agia assim e sempre reafirmava que me amava, que tudo aquilo ia acabar e que nossa família prevaleceria, eu só não entrei em depressão pela misericórdia de Deus que sempre me fortalecia, foi nesse período que me lancei aos pés de Jesus para valer, compreendi que sem Jesus eu não era nada. Nessa época eu acordava orando, andava orando, comia orando e dormia orando, fazia campanhas, jejuava, mas as vezes minha fé esmorecia e eu chorava bastante, porque quanto mais eu buscava, parecia que pior ficava, mas o Senhor sempre me falava que estava trabalhando, embora eu não pudesse ver e que não era tempo, mas que o tempo Dele estava chegando, me pedia para perseverar e esperar. 

Nesse processo o Senhor me moldou, fiquei como o barro nas mãos do oleiro. Quando o Senhor me limpou de toda altivez de espírito foi um tempo de transformação muito doloroso, o Senhor me quebrou de tal forma, que hoje eu nem me reconheço tendo os comportamentos que eu tinha, hoje posso dizer que tudo  valeu a pena, à medida que eu me submetia ao Senhor e me deixava ser barro nas mãos Dele eu recebia o conselho para manter a minha boca fechada e quanto mais eu obedecia, mais as provações aumentavam, quanto mais ele me maltratava, mais perdão da minha parte o Senhor cobrava e liberar perdão foi uma das experiências mais bonitas que tive com o Senhor. A OM me provocava, meu marido aparentava que estava feliz e cada dia mais bem sucedido e eu cada vez mais humilhada, porém, eu tinha uma coisa que eles nunca tiveram, “a Paz que excede a todo entendimento e o Senhor como companheiro fiel e amigo em todas as horas, me consolando e me reafirmando que estava no controle de tudo, que no tempo certo colocaria tudo o que estava fora no lugar.

Conforme o tempo ia passando o Senhor me direcionava estudos, pessoas para me ajudarem a orar, a palavra de Deus começou a ser cravada no meu coração e a fé começou a ser produzida em mim ao ponto que começou a gerar muitos frutos, passei a ajudar a outras mulheres na mesma situação que eu, inclusive uma delas teve o seu casamento restaurado e à medida que o Senhor me tratava e me refazia o meu marido terreno se reaproximava de mim. Nesse tempo entrei em contato com o Pastor Henrique, e aqui entra um ponto referente a comportamento muito importante que gostaria de registrar nesse testemunho.

Quando meu marido começou a se reaproximar de mim, ele permanecia com a OM, assim mesmo começamos a ter intimidades, eu cria que por ele ser meu marido não teria problemas, além do mais, acreditava que já era Deus restaurando e também acreditava que perseverar significava aceitar aquela situação, o Pastor Henrique reprovou essa conduta veementemente e eu por minha vez, óbvio que não concordei, então ele me disse que não me acompanharia.

As humilhações seguiam e as misericórdias e as promessas do Senhor se renovavam. As horas mais difíceis dessa provação foram quando meu marido começou a sinalizar que iríamos nos reconciliar, porém ele sempre me dizia que o momento certo iria chegar, enquanto isso, o Senhor me dizia que estava trabalhando, me orientava a perseverar e não desistir, ao mesmo tempo que essas palavras reanimavam meu espírito, a carne gritava e gerava uma ansiedade muito grande no meu coração, porque ele ficava comigo e depois voltava para a vida que estava levando. Até que ele fez uma viagem com a OM e isso para mim foi uma provação bastante dolorosa, quando ele retornou, o Senhor começou a me permitir ver o agir na vida do meu marido e foi onde começou a acontecer uma reviravolta. 

Passei a viver a palavra “Entrega teu caminho ao Senhor, confia Nele e Ele o fará. Deleita-te no Senhor e Ele te concederá o desejo do Seu coração” e passei a profetizar com muita fé a Palavra de Deus, a partir daí, comecei a ver a materialização das bênçãos que o Senhor já havia liberado para mim. O Senhor pôs no coração do meu marido o desejo de ir à igreja e me convidou para ir com ele, desde então, passei a acompanha-lo nos cultos todos os domingos, e desde então ele não falta em nenhum domingo, porém, íamos juntos a igreja e a noite ele retornava para a OM e eu orava “Senhor, se for da sua vontade, que eu não passe mais tempo nessa situação”.

Como a palavra nos garante “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará” a palavra tem penetrado o coração dele a cada dia e o Espírito Santo o tem convencido da verdade.

No final de Julho/2015, na véspera do aniversário da minha filha orei ao Senhor pedindo esse presente para ela se fosse da vontade Dele que ela tivesse o pai dela de volta a nossa casa e assim foi, no dia do aniversário dela ele estava lá com todas as suas coisas. Porém, a batalha ainda não tinha sido vencida, os dias foram passando e ele foi ficando oprimido, frio, e logo vi que ele estava se encontrando com a OM novamente, nessa hora, eu tinha duas opções desisti de vez ou lutar mais uma vez e o Senhor me fortaleceu para lutar mais uma vez. Entrei em contato com o Pastor Henrique, o Senhor revelou para ele que meu esposo sairia de casa de novo porque não estava liberto e eu fiz mais um proposito com Deus, 52 dias a Restauração dos Muros de Neemias, com oração, vigília e jejum. Quando me comprometi com esse propósito o Senhor revelou que se agradou do meu coração, mas que eu deveria ficar firme porque viria afrontas de todos os lados… e assim foi, tudo de ruim aconteceu, ele aprontava as coisas mais sórdidas comigo e a OM me provocava com a conivência dele… e eu orava, chorava, mas cria que Deus viraria meu cativeiro. 

Faltando duas semanas para a entrega do meu propósito meu marido saiu de casa com todas as suas coisas, naquela semana o Senhor havia me prevenido para não ter medo do que estava por vir porque era Ele no controle da situação, mesmo assim, na condição humana meu coração doeu muito com mais esse golpe, assim mesmo fui para a vigília que teria aquela noite e chorei minha dor aos pés do Senhor. 

Em menos de uma semana lá com a OM, meu marido começou a me pedir para retornar para casa, falou que estava muito arrependido por tudo que havia feito desde que havia voltado em julho. E enfim, após colocar algumas condições, mais uma vez o aceitei de volta, isso aconteceu em novembro/15.

Em resumo, quero registrar alguns pontos que considero muito importante. 

– 1º – Obedecer a palavra em primeiro lugar e não nos estribarmos no nosso próprio entendimento é fundamental, obedecer o Pastor, que embora sendo passível de falhas é uma autoridade de Deus na terra, e além disso, defende o que poucos defendem no meio evangélico, o primeiro casamento de ambos e a rejeição ao divórcio. O Pastor Henrique é um homem de Deus, que me acolheu embora nunca nem tenha me visto, me carregou no colo em momentos que eu quis desistir, porque mesmo após o retorno do meu marido dessa última vez o inimigo lutou muito para o levar de volta. Hoje glórias a Deus estou testemunhando com a certeza que embora o processo de restauração seja lento, Deus está 100% no controle, Ele é Fiel e as promessas que me fez vão se cumprir em nossas vidas em nome de Jesus.

– 2º Perseverar, não é aceitar situações que não condizem com a vontade de Deus para nós, aprendi as duras penas de dores e humilhações que a luz não tem comunhão com as trevas e que compactuar com o pecado deixa marcas profundas na nossa alma, não temos necessidade de nos humilharmos dessa forma, se Deus falou que vai restaurar, vai restaurar e ponto, intimidade é consequência do processo da restauração, ninguém fica íntimo de um minuto para o outro e tão pouco um casamento ferido há tanto tempo fica maravilhoso de um minuto para o outro, portanto, manter intimidades antes da restauração é prejuízo para a parte que está buscando a cura no Senhor. 

3º profetizem a Palavra do Senhor com muita fé sobre suas vidas e a vidas de seus maridos, o Senhor nos garante que o que Deus uniu, ninguém separa e em casos onde há uma terceira pessoa, orem abençoando a pessoa, isso é mandamento do Senhor, abençoar e amar nossos inimigos. Tarefa difícil, mas somos cristãos, e se não obedecermos nada receberemos. 

Para finalizar, deixo a palavra que o Senhor me revelou quando fiz o propósito de 52 dias. 

Miqueias 7 – versículos 6 ao 10

6 Porque o filho despreza ao pai, a filha se levanta contra sua mãe, a nora contra sua sogra, os inimigos do homem são os da sua própria casa.

7 Eu, porém, olharei para o Senhor; esperarei no Deus da minha salvação; o meu Deus me ouvirá.

8 Ó inimiga minha, não te alegres a meu respeito; ainda que eu tenha caído, levantar-me-ei; se morar nas trevas, o Senhor será a minha luz.

9 Sofrerei a ira do Senhor, porque pequei contra ele, até que julgue a minha causa, e execute o meu direito; ele me tirará para a luz, e eu verei a sua justiça.

10 E a minha inimiga verá isso, e cobri-la-á a vergonha, que me diz: Onde está o Senhor teu Deus? Os meus olhos a contemplarão; agora será ela pisada como a lama das ruas.

E para finalizar meu testemunho quero dar toda a Honra e Glória ao Senhor Jesus, meu casamento foi restaurado porque Ele é Bom e sua misericórdia dura para sempre. Nada merecia, minha justiça para Ele é trapo de imundícia, mas…

Romanos 11:36

Porque dele e por ele, e para ele, são todas as coisas; glória, pois, a ele eternamente. Amém.

Fiquem firmes pois se o Senhor prometeu Ele cumprirá!

Amém!

©2020 por Ministério Atalaia do Evangelho de Deus.

Siga-nos nas redes sociais!

  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social
  • Instagram