top of page
  • Foto do escritorPr. Henrique Lino da Silva

Repetindo

“Resta, irmãos meus, que vos regozijeis no Senhor. Não me aborreço de escrever-vos as mesmas coisas, e é segurança para vós.” (Filipenses 3:1)

Paulo diz que não se cansa de escrever a mesma coisa à igreja, aos irmãos de Filipos, porque, por mais que a palavra lhes pareça dura no momento, são exortações de amor para que permaneçam firmes no Senhor e assim sejam vitoriosos em Cristo Jesus. Assim também nós, como cristãos verdadeiros, devemos sempre estar exortando os irmãos a permanecerem firmes no Senhor e não cederem a ensinos estranhos, que para nada servem, a não ser para desviar os que são inocentes ou imaturos na fé. Portanto, sempre exortamos os irmãos a viverem em obediência ao Evangelho de Jesus Cristo, que vivam em santidade e que tomem muito cuidado com ensinos emotivos, que para nada servem. Podemos ser repetitivos, sempre falando em obediência, mas sabemos que sem obediência ao Senhor ninguém será salvo, pois a única maneira de nos unir a Ele é pela obediência, portanto, por querer, desejar que o maior número de pessoas sejam salvas é que nos preocupamos que pratiquem a obediência ao Evangelho de Jesus Cristo. Não podemos ficar falando de bênçãos e mais bênçãos, porque não é isso que salva, não podemos ficar falando de coisas agradáveis, temos que falar da Cruz de Cristo, temos que lembrar que todos nós temos uma cruz para carregarmos. “Guardai-vos dos cães, guardai-vos dos maus obreiros, guardai-vos da circuncisão; Porque a circuncisão somos nós, que servimos a Deus em espírito, e nos gloriamos em Jesus Cristo, e não confiamos na carne.” (Filipenses 3:2-3). Paulo lembrava que os irmãos deveriam tomar cuidado com os maus servos, os maus crentes, pois pregavam e ensinavam contra o próprio Evangelho. De igual modo, também lembramos que todos devem estar alertas, pois os maus obreiros, os maus crentes, os falsos profetas, os enganadores lotam templos que se denominam evangélicos. Temos que fazer os irmãos ficarem em alerta e sempre vigiarem, pois não basta as pessoas se dizerem crentes, se apresentarem como homens cheios do espírito de Deus, é necessário discernirmos, é necessário verificar se eles realmente falam de acordo com o Espírito de Deus. Ninguém que se diz do Senhor pode falar absolutamente nada contra o Evangelho, uma vez que o Evangelho é o próprio Cristo, que é o Verbo, a Palavra, então sabemos que é pelos frutos que conhecemos as árvores, e não pelo que dizem. “Ainda que também podia confiar na carne; se algum outro cuida que pode confiar na carne, ainda mais eu: Circuncidado ao oitavo dia, da linhagem de Israel, da tribo de Benjamim, hebreu de hebreus; segundo a lei, fui fariseu; Segundo o zelo, perseguidor da igreja, segundo a justiça que há na lei, irrepreensível. Mas o que para mim era ganho reputei-o perda por Cristo.” (Filipenses 3:4-7). Não podemos confiar em nós mesmos, não basta termos nascido em berços evangélicos, em lares supostamente cristãos, ou vivermos dentro de templos. Não basta fazermos teologias, ou estarmos nos púlpitos pregando, ou sendo professor de escolas dominicais, é preciso viver em constante renúncia, sabendo que somos servos e dependentes do Senhor. Saber que somos falhos, fracos, que somos carne, e por isso temos que estar sempre vigiando e alimentando o nosso espírito, caso contrário, a carne vence, e consequentemente somos derrotados. O que todos nós devemos fazer não é procurar conhecer ou seguir alguma religião, ou denominação, devemos todos nos esmerar em conhecer Cristo para podermos nos moldar a Ele. Temos que conhecê-lo para que possamos ser seus discípulos, seus seguidores e não simples religiosos que vivem pedindo bênçãos e mais bênçãos. Temos que conhecê-lo até mesmo para que possamos aprender como orar, pois são muitos os que oram de maneira errada, pois suas orações são arrogantes, dão ordens ao Senhor, ou exigem alguma coisa. Devemos entender que nada que temos aqui vai nos ser útil ou servir para que alcancemos a vida em Cristo, portanto, não devemos ficar nos dirigindo a Ele somente para ficar pedindo bênçãos e mais bênçãos, pois as bênçãos não nos conduzirão a Cristo. Temos que nos aproximar Dele pedindo que a sua vontade seja feita em nossas vidas, e aprendermos a abrir mão das coisas do mundo e tomarmos posse do Reino. “E, na verdade, tenho também por perda todas as coisas, pela excelência do conhecimento de Cristo Jesus, meu Senhor; pelo qual sofri a perda de todas estas coisas, e as considero como escória, para que possa ganhar a Cristo, E seja achado Nele, não tendo a minha justiça que vem da lei, mas a que vem pela fé em Cristo, a saber, a justiça que vem de Deus pela fé; Para conhecê-lo, e à virtude da sua ressurreição, e à comunicação de suas aflições, sendo feito conforme à sua morte; Para ver se de alguma maneira posso chegar à ressurreição dentre os mortos.”(Filipenses 3:8-11). Somos seres espirituais, temos uma vida para ser vivida, ou um inferno para ser enfrentado, e tudo depende do nosso comportamento aqui, da maneira como nos conduzimos diante do Evangelho de Jesus Cristo. Daqui nada levaremos, então, por que nos preocuparmos com as coisas daqui? Não justifica ficarmos pedindo coisas para usarmos ou desfrutarmos aqui, e se conhecemos o Senhor, sabemos que devemos pedir é mais Dele em nossas vidas, sabendo que Ele cuida de cada um dos seus filhos. Não que sejamos perfeitos e tudo sabemos, mas temos vontade, desejos e lutamos para que nos aproximemos mais e mais de Cristo, que é o nosso objetivo. “Não que já a tenha alcançado, ou que seja perfeito; mas prossigo para alcançar aquilo para o que fui também preso por Cristo Jesus.” (Filipenses 3:12). Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe. Um abraço, Pr. Henrique Lino

Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page