top of page
  • Foto do escritorPr. Henrique Lino da Silva

Nos planos do Senhor



“Assim as igrejas eram confirmadas na fé, e dia a dia cresciam em número. Atravessaram a região frígio-gálata, tendo sido impedidos pelo Espírito Santo de anunciar a Palavra na Ásia; e tendo chegado diante da Mísia, tentavam ir para Bitínia, mas o Espírito de Jesus não lho permitiu. Então, passando pela Mísia, desceram a Trôade. De noite apareceu a Paulo esta visão: estava ali em pé um homem da Macedônia, que lhe rogava: Passa à Macedônia e ajuda-nos. E quando ele teve esta visão, procurávamos logo partir para a Macedônia, concluindo que Deus nos havia chamado para lhes anunciarmos o Evangelho. Navegando, pois, de Trôade, fomos em direitura a Samotrácia, e no dia seguinte a Neápolis; e dali para Filipos, que é a primeira cidade desse distrito da Macedônia, e colônia romana; e estivemos alguns dias nessa cidade. No sábado saímos portas afora para a beira do rio, onde julgávamos haver um lugar de oração e, sentados, falávamos às mulheres ali reunidas. E certa mulher chamada Lídia, vendedora de púrpura, da cidade de Tiatira, e que temia a Deus, nos escutava e o Senhor lhe abriu o coração para atender às coisas que Paulo dizia. Depois que foi batizada, ela e a sua casa, rogou-nos, dizendo: Se haveis julgado que eu sou fiel ao Senhor, entrai em minha casa, e ficai ali. E nos constrangeu a isso.” (Atos 16:5-15)

Muitas vezes queremos fazer as coisas segundo a nossa vontade, sem pedir direção ao Senhor, conclusão: as coisas dão errado, não vão para frente. Há certos casos em que tentamos por todos os meios fazer algo e não conseguimos, e achamos que é o diabo que está impedindo, pois o que almejamos, o que pretendemos fazer está de acordo com a Palavra de Deus. Mas o que não fizemos foi avaliar de acordo com a vontade de Deus, pois podemos querer fazer algo que não seja errado, que não seja pecado, mas, se não estiver nos planos do Senhor, não vai vigorar. Paulo queria pregar na Ásia, onde existiam muitas almas precisando ouvir o Evangelho, mas o plano de Deus era outro, prova tal que o Espírito Santo de Deus o impediu e o conduziu a outra parte, onde veremos que ele não pregou para multidões, mas para duas famílias somente, e libertou uma jovem que era possessa de demônios. Às vezes queremos pregar para multidões, para muitas pessoas, temos sede de falar do Evangelho para as pessoas, mas o Senhor quer, deseja que falemos apenas para uma ou duas.

“Ora, aconteceu que quando íamos ao lugar de oração, nos veio ao encontro uma jovem que tinha um espírito adivinhador, e que, adivinhando, dava grande lucro a seus senhores. Ela, seguindo a Paulo e a nós, clamava, dizendo: São servos do Deus Altíssimo estes homens que vos anunciam um caminho de salvação. E fazia isto por muitos dias. Mas Paulo, perturbado, voltou-se e disse ao espírito: Eu te ordeno em Nome de Jesus Cristo que saias dela. E na mesma hora saiu. Ora, vendo seus senhores que a esperança do seu lucro havia desaparecido, prenderam a Paulo e Silas, e os arrastaram para uma praça à presença dos magistrados. E, apresentando-os aos magistrados, disseram: Estes homens, sendo judeus, estão perturbando muito a nossa cidade. E pregam costumes que não nos é lícito receber nem praticar, sendo nós romanos. E a multidão se levantou unida contra eles, e os magistrados, rasgando-lhes as vestes, mandaram açoitá-los com varas. E, havendo-lhes dado muitos açoites, os lançaram na prisão, mandando ao carcereiro que os guardasse com segurança. Ele, tendo recebido tal ordem, os lançou na prisão interior e lhes segurou os pés no tronco.” (Atos 16:16-24). Assim também as pessoas ouvem desses pregadores modernos que o Senhor quer que elas vivam bem, prosperem em tudo, o que é uma mentira, pois não conhecem o amor de Deus, caso contrário, não falariam e ensinariam tantas asneiras. Veja que Deus, através do seu Espírito, conduziu Paulo e Silas para pregar para três pessoas, e Lídia, que o receberam e o hospedaram. Claro que tudo foi providência do Senhor, e a jovem foi liberta dos demônios, além disto foi o carcereiro que viu o Poder de Deus e se rendeu a Ele. Também devemos analisar que Paulo juntamente com Silas foram surrados, espancados e presos, isso sendo inocentes, pois estavam somente obedecendo ao Senhor. Temos que entender que seguir Jesus não é fácil, enfrentamos lutas e tribulações aqui, mas perseveramos, pois sabemos quão grande salvação nos aguarda. Não fomos enganados, por isso não enganamos ninguém. Jesus nos mandou pegar nossas cruzes e segui-lo, mostrando que teríamos lutas e dificuldades, mas que não deveríamos esmorecer, e sim seguir em frente. Apesar de todas as lutas, a melhor coisa que podemos fazer é seguir Jesus, olhando para Ele, pois sabemos que Ele tem o melhor para nós, e com certeza seremos libertos de sofrimentos e reinaremos por toda a eternidade. “Pela meia-noite Paulo e Silas oravam e cantavam hinos a Deus, enquanto os presos os escutavam. De repente houve um tão grande terremoto que foram abalados os alicerces do cárcere, e logo se abriram todas as portas e foram soltos os grilhões de todos. Ora, o carcereiro, tendo acordado e vendo abertas as portas da prisão, tirou a espada e ia suicidar-se, supondo que os presos tivessem fugido. Mas Paulo bradou em alta voz, dizendo: Não te faças nenhum mal, porque todos aqui estamos. Tendo ele pedido luz, saltou dentro e, todo trêmulo, se prostrou ante Paulo e Silas e, tirando-os para fora, disse: Senhores, que me é necessário fazer para me salvar? Responderam eles: Crê no Senhor Jesus e serás salvo, tu e tua casa. Então lhe pregaram a Palavra de Deus, e a todos os que estavam em sua casa.” (Atos 16:25-32).

Leiam e pratiquem a Bíblia, mais especificamente o Novo Testamento.

Que Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino


6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page