top of page
  • Foto do escritorPr. Henrique Lino da Silva

Modo de pensar e agir



“Portanto, se há alguma exortação em Cristo, se alguma consolação de amor, se alguma comunhão do Espírito, se alguns entranháveis afetos e compaixões, completai o meu gozo, para que tenhais o mesmo modo de pensar, tendo o mesmo amor, o mesmo ânimo, pensando a mesma coisa; nada façais por contenda ou por vanglória, mas com humildade cada um considere os outros superiores a si mesmo; não olhe cada um somente para o que é seu, mas cada qual também para o que é dos outros.” (Filipenses 2:1-4)

Vejo atualmente as pessoas abrirem a boca com muita facilidade e dizerem que são crentes, evangélicas, ou que são desta ou daquela denominação. Mas o que não vejo é elas se comportarem como Jesus determinou, pois continuam em seus adultérios, segundos casamentos, homossexualismo, desonestidades, mentiras, falta de piedade e misericórdia para com o próximo. O Nome do Senhor está sendo denegrido por causa dessas pessoas, que no máximo são religiosas que frequentam um templo, uma congregação qualquer que, apesar de levar o Nome do Senhor (que é Santo para sempre amém), não segue, não pratica as suas ordenanças, cita o seu Nome somente para auferir vantagens. Mas se realmente somos cristãos, seguidores de Cristo, aprendizes de Jesus, então que tenhamos o mesmo modo de pensar e agir Dele. Se realmente desfrutamos do mesmo Espírito, se somos parte do mesmo corpo, então obrigatoriamente temos que ter o mesmo pensamento, caso contrário, somos mentirosos, porque todas as pessoas que afirmam ser de Cristo, mas não praticam as suas determinações, são hipócritas, mentirosas e inimigas Dele, e o seu fim será no lago ardente. Temos que aprender sobre humildade com Ele, o nosso Mestre, que, sendo Deus, se revestiu de carne e veio ao mundo como um simples mortal e sofreu todos os tipos de humilhação, perseguição e sofrimento que o conduziu à morte, e tudo isso fez por nós, pecadores. Portanto, se somos seus seguidores, temos a obrigação de tudo fazer pelo próximo, para que de alguma forma ele possa também alcançar a salvação. Mas o que vemos hoje é a predomínio do egoísmo nesse meio denominado gospel, cujo objetivo de todos os pregadores, a última das ovelhas, é buscar a realização própria, e não a salvação em Cristo Jesus.

“Tende em vós aquele sentimento que houve também em Cristo Jesus, o qual, subsistindo em forma de Deus, não considerou o ser igual a Deus coisa a que se devia aferrar, mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, tornando-se semelhante aos homens; e, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, tornando-se obediente até a morte, e morte de cruz. Pelo que também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu o Nome que é sobre todo nome; para que ao Nome de Jesus se dobre todo joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é Senhor, para Glória de Deus Pai.”(Filipenses 2:5-11). O egoísmo e a soberba predominam nesse meio gospel, onde só vemos os considerados grandes pregadores falarem de opulência, de prosperidade material, e muitos ensinam como desafiar o Senhor, exigir, determinar que os abençoe. Assim, vemos que esses, apesar de citarem o Nome do Senhor, são servos do deus deste século, são escravos das suas vontades, e não conhecem a humildade, não têm amor por eles mesmos, então o que dirá pelo próximo! Se somos cristãos, temos a obrigação de andarmos como Cristo andou, mas esses, apesar de citarem o Nome do Senhor, vivem e praticam a obra do mestre deles, que é o diabo, que sempre foi egoísta, mentiroso e soberbo, e por tal motivo foi atirado para baixo juntamente com um terço dos anjos que o seguiam. Assim também acontecerá com esses seguidores atuais, pois não amam Cristo e nunca o amaram, o que desejam é satisfazer as suas vontades e passar uma imagem falsa de pessoa piedosa. Mas os que querem servir Cristo procuram viver de maneira piedosa, preocupando-se não somente com eles mesmos, mas principalmente com o próximo, pois conhecem a ordem do Senhor Jesus: amar o próximo como a nós mesmos. Para sermos vitoriosos, para alcançarmos a vitória em Cristo, obter vida, é necessário nos humilharmos diante Dele, e não nos exaltarmos, pois quem se exalta será abatido. “De sorte que, meus amados, do modo como sempre obedecestes, não como na minha presença somente, mas muito mais agora na minha ausência, efetuai a vossa salvação com temor e tremor; porque Deus é o que opera em vós tanto o querer como o efetuar, segundo a sua boa vontade. Fazei todas as coisas sem murmurações nem contendas; para que vos torneis irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus imaculados no meio de uma geração corrupta e perversa, entre a qual resplandeceis como luminares no mundo, retendo a Palavra da vida; para que no dia de Cristo eu tenha motivo de gloriar-me de que não foi em vão que corri nem em vão que trabalhei. Contudo, ainda que eu seja derramado como libação sobre o sacrifício e serviço da vossa fé, folgo e me regozijo com todos vós; e pela mesma razão folgai vós também e regozijai-vos comigo.” (Filipenses 2:12-18).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino


6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page