• Pr. Henrique Lino da Silva

EM GANDARA


“E chegaram ao outro lado do mar, à província dos gadarenos. E, saindo Ele do barco, lhe saiu logo ao seu encontro, dos sepulcros, um homem com espírito imundo; O qual tinha a sua morada nos sepulcros, e nem ainda com cadeias o podia alguém prender; Porque, tendo sido muitas vezes preso com grilhões e cadeias, as cadeias foram por ele feitas em pedaços, e os grilhões em migalhas, e ninguém o podia amansar.” (Marcos 5:1-4)

         Jesus cruzou o mar de Tiberíades, ou lago de Genesaré como também é conhecido, e veremos que Ele tinha um propósito bem definido, como tudo o que Ele fazia e faz. Durante a travessia no barco, Jesus tinha sido acordado pelos discípulos e tinha acalmado o mar somente com a sua Palavra. Agora no território dos gadarenos, (Gandara), assim que aporta vem correndo dos sepulcros um homem terrivelmente endemoniado. Mas aquele endemoniado era um homem que manifestava até mesmo violência contra si mesmo e contra os outros, pois era violento. As pessoas tentavam prendê-lo com correntes, amarrando-o, mas ele arrebentava tudo, e ninguém conseguia fazê-lo se acalmar. Na verdade, é como tantos que vemos por aí, hoje muitos deles lotam os hospitais psiquiátricos, pois as pessoas preferem acreditar que sofrem de um problema físico ou mental, e querem tratá-lo, curá-lo através de remédios. Inclusive, eu entendo que a maioria das pessoas que procura um tratamento psiquiátrico, na verdade, precisam somente de Jesus, precisam ser libertas. Não quero aqui dizer que não existam problemas de saúde físico ou mental, mas também afirmo que Jesus cura também qualquer problema físico, mental, psiquiátrico. Nós vemos pelas ruas pessoas imundas, largadas, com roupas rasgadas, comendo resto de lixo, gritando, e logo achamos que é uma pessoa com sérios problemas mentais, e não pensamos e nem agimos de acordo com Jesus, com o seu Evangelho. Esse homem, que em nossos dias seria considerado maluco, morava, ou melhor, vivia nos sepulcros, quer dizer, no cemitério, onde estavam enterrados os mortos. Só por isto dá para se perceber que há algo espiritual, e não podemos tentar justificar essa atitude dele dizendo que ficou assim porque um parente morreu e foi enterrado ali, digo isto porque somos especialistas em justificar nossa falta de fé.

          “E andava sempre, de dia e de noite, clamando pelos montes, e pelos sepulcros, e ferindo-se com pedras. E, quando viu Jesus ao longe, correu e adorou-o.” (Marcos 5:5-6). Esse homem endemoniado, cujo nome não sabemos, pois a Bíblia não cita, vivia dia e noite vagando, pois não dormia, e vivia percorrendo as ruas, montes, e se ferindo, se machucando, o que sabemos também que é um outro sinal dos demônios, que causa a autoflagelação, e sabemos que a função dos demônios é matar, roubar e destruir, e quando ele está possuindo uma pessoa, ela quer se destruir, isto porque os demônios querem que ela se destrua. Mas esse homem endemoniado, quando viu Jesus, veio correndo até o Senhor e o adorou. Vemos que os demônios executam a arte do engano muito bem, por isto devemos estar sempre vigilantes. Na verdade, queria enganar o Senhor, mas Jesus simplesmente o estava expulsando, mandando-o sair do homem. “E, clamando com grande voz, disse: Que tenho eu contigo, Jesus, Filho do Deus Altíssimo? conjuro-te por Deus que não me atormentes. (Porque lhe dizia: Sai deste homem, espírito imundo.)” (Marcos 5:7-8). Mas como Jesus o repreendia, mandava os demônios saírem, eles então se manifestaram de forma clara, e acharam ruim por estarem sendo incomodados, e vemos que conjuram em Nome de Deus, por isto sabemos, ou melhor, fica comprovado que os demônios não têm nenhum problema em citar o Nome do Senhor. Vemos muitas pessoas citarem o Nome do Senhor (que é Santo para Sempre Amém) de maneira errada, pois basta vermos como vivem, sabemos que não são servos do Senhor. A bem da verdade, são muitas as pessoas endemoniadas que vivem citando o Nome do Senhor para enganar, muitas, inclusive, falam em línguas que enganam muitos, outras estão nos púlpitos, por isto a necessidade de termos discernimento. Este chegou correndo adorando Jesus, mas o Senhor viu e o repreendeu expulsando-o, e aí ele se manifestou claramente e pediu em Nome de Deus para não ser importunado. “E perguntou-lhe: Qual é o teu nome? E lhe respondeu, dizendo: Legião é o meu nome, porque somos muitos. E rogava-lhe muito que os não enviasse para fora daquela província. E andava ali pastando no monte uma grande manada de porcos. E todos aqueles demônios lhe rogaram, dizendo: Manda-nos para aqueles porcos, para que entremos neles.” (Marcos 5:9-12). Então Jesus lhe pergunta qual era o seu nome, somente para que ele confessasse que não era um só demônio, que eram muitos, era uma legião, pois eram mais de três mil. Agora esses demônios, que sempre servem para acusar, mostrar o pecado daquele povo, a desobediência, pois eram criadores de porcos, e na época da lei não se podia comer carne de porco, e como esse povo criava e comia, estava em desobediência a Deus dando legalidade ao diabo, e é isso que ele mostra ao Senhor. A desobediência gera a morte. “E Jesus logo lho permitiu. E, saindo aqueles espíritos imundos, entraram nos porcos; e a manada se precipitou por um despenhadeiro no mar (eram quase dois mil) e afogaram-se no mar. E os que apascentavam os porcos fugiram, e o anunciaram na cidade e nos campos; e saíram muitos a ver o que era aquilo que tinha acontecido. E foram ter com Jesus, e viram o endemoninhado, o que tivera a legião, assentado, vestido e em perfeito juízo, e temeram. E os que aquilo tinham visto contaram-lhes o que acontecera ao endemoninhado, e acerca dos porcos. E começaram a rogar-lhe que saísse dos seus termos. E, entrando Ele no barco, rogava-lhe o que fora endemoninhado que o deixasse estar com Ele. Jesus, porém, não lho permitiu, mas disse-lhe: Vai para tua casa, para os teus, e anuncia-lhes quão grandes coisas o Senhor te fez, e como teve misericórdia de ti. E ele foi, e começou a anunciar em Decápolis quão grandes coisas Jesus lhe fizera; e todos se maravilharam.” (Marcos 5:13-20).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino

Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

2 visualizações

©2020 por Ministério Atalaia do Evangelho de Deus.

Siga-nos nas redes sociais!

  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social
  • Instagram