top of page
  • Foto do escritorPr. Henrique Lino da Silva

As coisas deste mundo



“E disse aos seus discípulos: Por isso vos digo: Não estejais ansiosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer, nem quanto ao corpo, pelo que haveis de vestir. Pois a vida é mais do que o alimento, e o corpo mais do que o vestuário. Considerai os corvos, que não semeiam nem ceifam; não têm despensa nem celeiro; contudo, Deus os alimenta. Quanto mais não valeis vós do que as aves! Ora, qual de vós, por mais ansioso que esteja, pode acrescentar um côvado à sua estatura? Porquanto, se não podeis fazer nem as coisas mínimas, por que estais ansiosos pelas outras? Considerai os lírios, como crescem; não trabalham, nem fiam; contudo vos digo que nem mesmo Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como um deles. Se, pois, Deus assim veste a erva que hoje está no campo e amanhã é lançada no forno, quanto mais vós, homens de pouca fé?” (Lucas 12:22-28)

Temos que aprender a não nos preocupar tanto com as coisas deste mundo, devemos dedicar mais tempo a buscar o Senhor, pois tudo o que temos e podemos conseguir aqui no mundo é passageiro e não nos leva a lugar algum, a não ser à derrota eterna. As pessoas não estão indo a Deus em busca de aprender mais, de o conhecer e fazer a sua vontade, elas estão indo até Ele em busca de coisas para satisfazer suas vontades carnais e mundanas. Infelizmente, existe uma grande parte dos pregadores atuais que, para atrair as pessoas a suas congregações, aos seus templos, ficam pregando heresias uma atrás da outra. Chamam as pessoas dizendo que Deus vai dar isto e aquilo, e as pessoas acreditam neles, pois também são mundanas, e acabam se transformando nesses religiosos que vemos por aí, que não são seguidores de Jesus. Não devemos buscar conforto nem luxo aqui, devemos simplesmente nos contentar com o que o Senhor tem nos dado e seguirmos em frente olhando para Ele, pois não podemos buscar prazeres ou luxo aqui, mesmo porque aqui é somente um lugar de passagem, um lugar da nossa peregrinação, porque a nossa casa, o Paraíso, é no Senhor.

“Não procureis, pois, o que haveis de comer, ou o que haveis de beber, e não andeis preocupados. Porque a todas estas coisas os povos do mundo procuram; mas vosso Pai sabe que precisais delas. Buscai antes o seu Reino, e estas coisas vos serão acrescentadas. Não temas, ó pequeno rebanho! porque a vosso Pai agradou dar-vos o Reino. Vendei o que possuís, e daí esmolas. Fazei para vós bolsas que não envelheçam; tesouro nos céus que jamais acabe, aonde não chega ladrão e a traça não corrói. Porque, onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração. Estejam cingidos os vossos lombos e acesas as vossas candeias; e sede semelhantes a homens que esperam o seu senhor, quando houver de voltar das bodas, para que, quando vier e bater, logo possam abrir-lhe.” (Lucas 12:29-36). É uma promessa do Senhor cuidar de nós se estivermos vivendo em conformidade com a sua Palavra, portanto, não devemos ficar preocupados com o que vamos comer ou vestir amanhã, nem mesmo se teremos alimentos para dar para os nossos filhos, e sim nos preocuparmos em fazer a vontade de Deus, pois, assim, com certeza receberemos o que necessitamos do Senhor. Temos que saber diferenciar entre o que queremos e desejamos e o que realmente precisamos, porque Deus não vai atender a nossas vontades e caprichos, Ele vai providenciar somente o que precisamos, não nos dará nada para esbanjarmos, mas somente aquilo de que temos a real necessidade. É necessário nos conscientizarmos de que aqui não é a nossa casa, pois muitos estão dizendo que conhecem e amam o Senhor, mas se preocupam em viver regaladamente aqui, querem ter, possuir, desfrutar, e por isso sofrem, e o pior: se afastam do Senhor. Não sabemos a hora que o Senhor irá voltar, portanto é para isto que devemos nos preparar, porque, quando Ele voltar, se não estivermos vivendo segundo os seus preceitos, com certeza iremos conhecer realmente o que é sofrimento. E temos que saber que nada levaremos daqui, e tudo o que estiver aqui será destruído, portanto, sejamos sábios e busquemos o que é do alto, e não as coisas terrenas. “Bem-aventurados aqueles servos, aos quais o senhor, quando vier, achar vigiando! Em verdade vos digo que se cingirá, e os fará reclinar-se à mesa e, chegando-se, os servirá. Quer venha na segunda vigília, quer na terceira, bem-aventurados serão eles, se assim os achar. Sabei, porém, isto: se o dono da casa soubesse a que hora havia de vir o ladrão, vigiaria e não deixaria minar a sua casa. Estai vós também apercebidos; porque, numa hora em que não penseis, virá o Filho do homem. Então Pedro perguntou: Senhor, dizes essa parábola a nós, ou também a todos? Respondeu o Senhor: Qual é, pois, o mordomo fiel e prudente, que o Senhor porá sobre os seus servos, para lhes dar a tempo a ração? Bem-aventurado aquele servo a quem o seu senhor, quando vier, achar fazendo assim. Em verdade vos digo que o porá sobre todos os seus bens.” (Lucas 12:37-44).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino




13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Imitadores

Comments


bottom of page