top of page
  • Foto do escritorPr. Henrique Lino da Silva

Prisão


“Por esta causa eu, Paulo, sou o prisioneiro de Jesus Cristo por vós, os gentios; se é que tendes ouvido a dispensação da graça de Deus, que para convosco me foi dada; Como me foi este mistério manifestado pela revelação, como antes um pouco vos escrevi; Por isso, quando ledes, podeis perceber a minha compreensão do mistério de Cristo.” (Efésios 3:1-4)

O apóstolo Paulo se considerava um prisioneiro de Cristo para pregar para os gentios, isto é, ele sabia que tinha a obrigação de pregar, ensinar o Evangelho de Jesus Cristo aos gentios. Assim como os prisioneiros de uma instituição penal têm que cumprir todas as normas, determinações dadas pelos dirigentes da instituição, Paulo sabia que tinha que cumprir, obedecer a tudo o que o Senhor falava, e como o Senhor determinou que ele fosse pregar para os gentios, ele simplesmente lhe obedecia e sabia que não poderia agir de outra forma. Todos nós que dizemos conhecer Cristo deveríamos nos considerar prisioneiros Nele, ou seja, viver, fazer somente o que Cristo manda, observar o que Ele nos capacitou e colocar em ação a sua determinação, caso contrário, buscaremos sofrimentos e dores para nós mesmos. Assim como os prisioneiros sofrem, são punidos, enviados às solitárias, ou recebem punição corporal, isolamentos e tudo mais quando desobedecem aos guardas e à direção da instituição penal onde estão reclusos, nós também, quando nos rebelamos contra a Palavra de Deus, quando deixamos de fazer o que Ele nos manda, recebemos castigos e dores. Assim, sabendo que somos prisioneiros em Cristo, sejamos sensatos, inteligentes e obedeçamos a Ele, para que possamos receber nossa coroa, pois temos que ser considerados por Ele prisioneiros de bom comportamento. Fomos chamados, escolhidos pelo Senhor para vivermos e executarmos a sua obra, e não fazer isso ou tentar fugir é rebelião, e todos os rebeldes são punidos. “O qual noutros séculos não foi manifestado aos filhos dos homens, como agora tem sido revelado pelo Espírito aos seus santos apóstolos e profetas.” (Efésios 3:5). Essa revelação o Senhor só dá aos que o temem, aos que conhecem a sua vontade e a ela se submetem. Temos que nos examinar à Luz do Evangelho e nos curvar a Ele, pois sabemos que ali é o próprio Senhor Jesus nos falando, nos dando ordens, e a desobediência nos transforma em rebeldes, dignos de sofrimento e isolamento.

“A saber, que os gentios são co-herdeiros, e de um mesmo corpo, e participantes da promessa em Cristo pelo Evangelho; do qual fui feito ministro, pelo dom da Graça de Deus, que me foi dado segundo a operação do seu Poder.” (Efésios 3:6-7). Devemos entender que todos, sem exceção, qualquer que seja a religião ou se não a tiverem, devem ouvir o Evangelho de Jesus Cristo, portanto temos a obrigação de pregar a todos. Independentemente de qualquer coisa, se ouvirem Glórias a Deus, mas se o rejeitarem, não poderão alegar no grande dia que não sabiam quem era o Senhor, não poderão alegar desconhecimento. Mas nós, como prisioneiros do Senhor, não podemos ter vergonha, timidez em propagar o Evangelho a todos. Mesmo que sejamos ofendidos, sejamos motivo de chacotas, não podemos nos importar com isto, porque Cristo sofreu muito mais por nós, e, como seus discípulos, temos que segui-lo. Fomos escolhidos para levar o Evangelho aos quatro cantos do universo, para levarmos a Palavra do Senhor até os confins da terra, e começamos pela nossa família, nossos vizinhos, colegas de trabalho, pelo nosso bairro e cidade. Para cumprirmos a nossa missão, não dependemos de ninguém, nem mesmo de uma denominação ou de um templo, dependemos exclusivamente do Senhor, pois é Ele quem nos envia, nos manda, e, como prisioneiros Nele, não exigimos nada, somente lhe obedecemos. “A mim, o mínimo de todos os santos, me foi dada esta graça de anunciar entre os gentios, por meio do Evangelho, as riquezas incompreensíveis de Cristo, E demonstrar a todos qual seja a comunhão do mistério, que desde os séculos esteve oculto em Deus, que tudo criou por meio de Jesus Cristo.” (Efésios 3:8-9). Temos que apresentar o Evangelho da Verdade, apresentar Jesus Cristo e não uma outra coisa, não podemos dizer que estamos sendo obedientes ao Senhor se não estamos pregando a verdade bíblica e sim qualquer coisa para agradar as pessoas. Temos que apresentar o Evangelho que rasga, que exorta, que exige santidade, arrependimento, santificação, temos que avisar que o Reino é chegado, e todos os que querem nele entrar deverão se esforçar, ser violentos contra si mesmos, contra sua vontade, sua lógica, e passar a viver da dependência total do Senhor. Como prisioneiros em Cristo, temos que ser obedientes em tudo, para que possamos ser achados dignos de nos aproximar Dele, para recebermos o Dom da Vida, para podermos desfrutar da Vida que está Nele. “Para que agora, pela igreja, a multiforme sabedoria de Deus seja conhecida dos principados e potestades nos céus, Segundo o eterno propósito que fez em Cristo Jesus nosso Senhor, No qual temos ousadia e acesso com confiança, pela nossa fé Nele. Portanto, vos peço que não desfaleçais nas minhas tribulações por vós, que são a vossa glória. Por causa disto me ponho de joelhos perante o Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, Do qual toda a família nos céus e na terra toma o Nome, Para que, segundo as riquezas da sua Glória, vos conceda que sejais corroborados com poder pelo seu Espírito no homem interior; Para que Cristo habite pela fé nos vossos corações; a fim de, estando arraigados e fundados em amor, Poderdes perfeitamente compreender, com todos os santos, qual seja a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade, E conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento, para que sejais cheios de toda a plenitude de Deus.”(Efésios 3:10-19).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino

Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

81 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page