• Pr. Henrique Lino da Silva

O que resta

“Resta, irmãos meus, que vos regozijeis no Senhor. Não me aborreço de escrever-vos as mesmas coisas, e é segurança para vós.” (Filipenses 3:1)

O apóstolo Paulo, nesta carta à igreja de Filipos, fala com os irmãos que o que resta, o que sobra é que se alegrem, regozijem no Senhor. Enfim, que no fim tudo o que temos é a nossa alegria no Senhor, é procurarmos ser felizes, alegres Nele, e não em coisas ou pessoas. Temos que meditar com muita calma nessa palavra, pois para muitos isso passa desapercebido, mas não para nós, uma vez que é um grande ensinamento. As pessoas andam em busca de felicidade em toda parte e não perceberam que, para serem felizes, alegres, não têm que procurar tanto, uma vez que ela está ao nosso alcance. Não é dinheiro, casa nova, carro ou emprego que nos dará a alegria verdadeira, não é um casamento nem o fato de estarmos fartos, saciados, mas sim o Senhor, por isto é que Paulo fala que o que resta é nos regozijarmos no Senhor, porque, se buscamos a alegria no Senhor, então nada disto nos importa, se temos ou não o que comer, beber ou vestir, se temos emprego ou não; se estamos no Senhor, estamos alegre e sabemos que o Senhor não nos prometeu luxo, mas sabemos que o seu Maná é real, portanto, certamente não passaremos fome e nem ficaremos nus. Temos que buscar nossa alegria, nossa felicidade sempre no Senhor, pois isto sim que é segurança para todos nós, é a fonte de nossa paz. As pessoas confundem, acham que a aposentadoria é uma garantia, ou uma casa própria, quem sabe uma poupança, mas não percebem que isto nada vale, e não é segurança para ninguém, pois tudo pode sumir, desmoronar a qualquer momento. A nossa alegria no Senhor, a nossa confiança Nele nada pode nos tirar se formos autênticos. Assim, sabendo isso, não importa o problema pelo qual estejamos passando, sejamos alegres e felizes no Senhor, regozijemo-nos Nele. Quando necessitamos de algo para sermos alegres e felizes, quando precisamos ver alguma coisa para nos alegrar, com certeza não conhecemos o Senhor, porque, se o conhecêssemos, com certeza não buscaríamos as coisas visíveis, as coisas do mundo, porque tudo o que vemos e desejamos, tocamos, é do mundo, e o mundo jaz (está morto) no diabo. Por isto não devemos nos preocupar em correr atrás de coisas, e sim buscar cada vez mais agradar ao Senhor e desfrutar da sua companhia. Essa companhia nos dá alegria, uma vez que é impossível alguém estar na presença do Senhor e estar triste. “Guardai-vos dos cães, guardai-vos dos maus obreiros, guardai-vos da circuncisão; porque a circuncisão somos nós, que servimos a Deus em espírito, e nos gloriamos em Jesus Cristo, e não confiamos na carne.” (Filipenses 3:2-3). Quando a Palavra fala “cães”, não está se referindo exatamente aos animais, aos quadrúpedes, mas aos falsos crentes, aos que não querem viver exatamente como o Evangelho de Jesus Cristo. Temos que nos afastar dos religiosos que se dizem crentes evangélicos, mas que não praticam o Evangelho de Jesus Cristo, que vivem na prática de outros evangelhos. São praticantes dos evangelhos da prosperidade, das bênçãos sem medidas, dos desafios, das campanhas, e mais um monte de coisa, mas esses evangelhos nem se aproximam de longe do Evangelho da cruz. Nós temos que nos alegrar no Senhor e não ficarmos buscando Nele coisas materiais, uma vez que Ele não tem esse compromisso. Portanto, sabemos que devemos nos afastar dos cães, dos falsos obreiros, dos que se dizem pastores, pregadores, que estão se colocando sobre algum cargo de liderança eclesiástica. Temos que compreender que a circuncisão aceita pelo Senhor hoje é a do nosso coração, portanto, é a dos que servem ao Senhor, dos que têm alegria em viver Nele, e não a buscam em prol de obter coisas ou bênçãos, mas que buscam somente a sua presença. Esses são os verdadeiros circuncisos. Não confiamos em nossa carne, não buscamos depender de qualquer coisa aqui para sermos felizes, somos felizes com o nosso Senhor Jesus Cristo e ansiamos pelo nosso encontro com Ele. A nossa felicidade está no Senhor, e Ele é o suficiente, pois Nele temos tudo, e sabemos que estamos de passagem aqui, estamos simplesmente peregrinando em direção a nossa casa, e por isto manifestamos a nossa alegria já antevendo o dia de nos reunirmos com Ele. “Ainda que também podia confiar na carne; se algum outro cuida que pode confiar na carne, ainda mais eu: Circuncidado ao oitavo dia, da linhagem de Israel, da tribo de Benjamim, hebreu de hebreus; segundo a lei, fui fariseu; segundo o zelo, perseguidor da igreja, segundo a justiça que há na lei, irrepreensível.”(Filipenses 3:4-6). Não importa se nós fomos criados dentro de uma igreja qualquer, de uma denominação, se praticávamos rituais que pareciam ser de alguma utilidade, agora sabemos que aquilo para nada serve. Temos que abandonar tudo o que sabíamos ou o que aprendemos e procurar aprender somente com Cristo, viver Nele, nos alegrar Nele. O que aprendemos, o que sabíamos nada vale, o que vale é Cristo em nós e nós Nele, e não podemos nos preocupar com críticas, ou comentários desfavoráveis a nós, devemos nos preocupar como Cristo está nos vendo. Não importa quem fomos ou o que fazíamos, o que importa agora é sermos de Cristo, e para isto é necessário nos desnudarmos do conhecimento mundano diante Dele. “Mas o que para mim era ganho reputei-o perda por Cristo. E, na verdade, tenho também por perda todas as coisas, pela excelência do conhecimento de Cristo Jesus, meu Senhor; pelo qual sofri a perda de todas estas coisas, e as considero como escória, para que possa ganhar a Cristo.”(Filipenses 3:7-8). Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe. Um abraço, Pr. Henrique Lino

Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

0 visualização

©2020 por Ministério Atalaia do Evangelho de Deus.

Siga-nos nas redes sociais!

  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social
  • Instagram