• Pr. Henrique Lino da Silva

O homem hidrópico

“Aconteceu num sábado que, entrando Ele em casa de um dos principais dos fariseus para comer pão, eles o estavam observando. E eis que estava ali diante Dele um certo homem hidrópico.” (Lucas 14:1-2)

Jesus era um homem sociável e visitava as pessoas, não fazia distinção delas. Aqui vemos quando Ele foi à casa de um religioso, à casa de um fariseu, para fazer uma refeição com eles. Quando a Bíblia se refere a comer pão, está falando de uma refeição, mesmo porque o costume daquele povo, principalmente naquela época, era comer pão juntamente com molho, vinho (suco), carne ou outra coisa. Mas o pão não faltava em suas refeições, e tenho dito que o pão deles era diferente do nosso de hoje. Jesus, estando na casa desse fariseu, observa a sua frente um homem doente, enfermo, que sofria de hidropisia (patologia definida pelo acúmulo de líquido num tecido ou em cavidades corporais. Completamente preenchido; cheio). Jesus sempre vê quem está a sua frente, quem vai ao seu encontro, ou quem está necessitando de sua atenção, por isto devemos procurar ficar sempre onde Jesus está, pois Ele nos verá e, com certeza, verá qualquer enfermidade que tivermos. Mas, para irmos até Jesus, é necessário estarmos de acordo com Ele, porque, se não concordarmos com Ele, não estaremos no mesmo ambiente que Ele. Para o Senhor nos ver, temos que procurar ficar onde Ele possa nos ver, e a única coisa que impede o Senhor de nos ver são os nossos pecados, portanto, devemos nos arrepender, abandonar os nossos erros e rebeldias, pois assim seremos vistos e reconhecidos pelo Senhor. “E Jesus, tomando a palavra, falou aos doutores da lei, e aos fariseus, dizendo: É lícito curar no sábado?” (Lucas 14:3). Jesus pergunta aos fariseus, aos doutores da lei, se era permitido curar nos dias de sábado ou não, porque, segundo a lei de Moisés, não se podia fazer nada nos dias de sábado, mas os fariseus quebravam essa ordenança sempre para satisfazer as suas necessidades e caprichos, mas cobravam das pessoas não fazerem nada. Como eles faziam até o que era errado em dias de sábado, Jesus lhes questiona se seria certo ou não fazer o bem, curar uma pessoa em dias de sábado. Porém eles se calaram, não tinham argumentos, sabiam que, se respondessem que era lícito, estariam indo contra a lei de Moisés, a qual eles afirmavam cumprir e defender, e se falassem que não era certo, estariam falando contra eles mesmos. “Eles, porém, calaram-se. E, tomando-o, o curou e despediu. E respondendo-lhes disse: Qual será de vós o que, caindo-lhe num poço, em dia de sábado, o jumento ou o boi, o não tire logo? E nada lhe podiam replicar sobre isto.”(Lucas 14:4-6). Uma vez que esses religiosos se calaram e não responderam ao questionamento de Jesus, então Ele cura aquele homem e o manda embora. E ainda pergunta aos religiosos se um animal deles caísse em um buraco, em uma fenda em dia de sábado, se eles não iriam imediatamente tirá-lo. Jesus está mostrando para eles que são hipócritas, pois falam, exigem que as pessoas nada façam em dia de sábado, mas eles mesmos faziam. Jesus deu um exemplo claro, e diante disso eles permaneceram calados. O problema é que as pessoas se prendem à religião para justificar as maldades, para justificar os seus erros. O problema das pessoas é sempre querer justificar suas más condutas, assim, vemos pessoas que dizem amar Cristo, e elas tudo fazem por um animal, um cachorro, um gato ou outro animal qualquer, mas são incapazes de ajudar, de socorrer uma pessoa que está passando por necessidade, e ainda falam em amor. Esquecem que o Senhor mandou amar o próximo como a nós mesmos, e não mandou amar animais como a nós mesmos. Temos que ser transparentes, porque o Senhor conhece tudo e vê o nosso interior, nossos pensamentos, por isso devemos praticar a Palavra de Deus sabendo que não conseguimos enganá-lo. “E disse aos convidados uma parábola, reparando como escolhiam os primeiros assentos, dizendo-lhes: Quando por alguém fores convidado às bodas, não te assentes no primeiro lugar; não aconteça que esteja convidado outro mais digno do que tu; E, vindo o que te convidou a ti e a ele, te diga: Dá o lugar a este; e então, com vergonha, tenhas de tomar o derradeiro lugar.” (Lucas 14:7-9). Jesus aproveita a plateia e começa a pregar, agora falando de outro tema, trazendo ensinamento e, ao mesmo tempo, corrigindo, chamando a atenção dos fariseus, pois eles gostavam de ser reconhecidos em toda parte como pessoas de importância. Observando como as pessoas sempre gostavam de ocupar o primeiro lugar, Ele mostra que não se deveria fazer assim, que sempre, quando fossem convidados, deveriam ficar mais atrás, não deveriam procurar escolher lugar para serem vistos e prestigiados, mas esperar que fossem chamados e prestigiados para evitar passarem vergonha. Assim também vemos pessoas que gostam de aparecer, de serem reconhecidos como sendo alguém, mas, na verdade, devemos aprender o que é humildade e deixar para sermos reconhecidos somente por Deus. “Mas, quando fores convidado, vai, e assenta-te no derradeiro lugar, para que, quando vier o que te convidou, te diga: Amigo, sobe mais para cima. Então terás honra diante dos que estiverem contigo à mesa. Porquanto qualquer que a si mesmo se exaltar será humilhado, e aquele que a si mesmo se humilhar será exaltado.” (Lucas 14:10-11). Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe. Um abraço. Pr. Henrique Lino

Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

0 visualização

©2020 por Ministério Atalaia do Evangelho de Deus.

Siga-nos nas redes sociais!

  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social
  • Instagram