• Pr. Henrique Lino da Silva

Lâmpada para os meus pés

Para sempre, ó Senhor, a tua palavra permanece no céu. A tua fidelidade dura de geração em geração; tu firmaste a terra, e ela permanece firme. Eles continuam até ao dia de hoje, segundo as tuas ordenações; porque todos são teus servos. Se a tua lei não fora toda a minha recreação, há muito que pereceria na minha aflição. Nunca me esquecerei dos teus preceitos; pois por eles me tens vivificado. Sou teu, salva-me; pois tenho buscado os teus preceitos. Os ímpios me esperam para me destruírem, mas eu considerarei os teus testemunhos. Tenho visto fim a toda a perfeição, mas o teu mandamento é amplíssimo. Oh! quanto amo a tua lei! É a minha meditação em todo o dia. Tu, pelos teus mandamentos, me fazes mais sábio do que os meus inimigos; pois estão sempre comigo. Tenho mais entendimento do que todos os meus mestres, porque os teus testemunhos são a minha meditação. Entendo mais do que os antigos; porque guardo os teus preceitos. Desviei os meus pés de todo caminho mau, para guardar a tua palavra. Não me apartei dos teus juízos, pois tu me ensinaste. Oh! quão doces são as tuas palavras ao meu paladar, mais doces do que o mel à minha boca. Pelos teus mandamentos alcancei entendimento; por isso odeio todo falso caminho. Lâmpada para os meus pés é tua palavra, e luz para o meu caminho. Jurei, e o cumprirei, que guardarei os teus justos juízos. Estou aflitíssimo; vivifica-me, ó Senhor, segundo a tua palavra. Aceita, eu te rogo, as oferendas voluntárias da minha boca, ó Senhor; ensina-me os teus juízos. A minha alma está de contínuo nas minhas mãos; todavia não me esqueço da tua lei. Os ímpios me armaram laço; contudo não me desviei dos teus preceitos. Os teus testemunhos tenho eu tomado por herança para sempre, pois são o gozo do meu coração. Inclinei o meu coração a guardar os teus estatutos, para sempre, até ao fim. Odeio os pensamentos vãos, mas amo a tua lei. Tu és o meu refúgio e o meu escudo; espero na tua palavra. Apartai-vos de mim, malfeitores, pois guardarei os mandamentos do meu Deus. Sustenta-me conforme a tua palavra, para que viva, e não me deixes envergonhado da minha esperança. Sustenta-me, e serei salvo, e de contínuo terei respeito aos teus estatutos. Tu tens pisado aos pés todos os que se desviam dos teus estatutos, pois o engano deles é falsidade. Tu tiraste da terra todos os ímpios, como a escória, por isso amo os teus testemunhos.

Salmos 119:89-119

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo