top of page
  • Foto do escritorPr. Henrique Lino da Silva

Justificados



“Justificados, pois, pela fé, tenhamos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo, por quem obtivemos também nosso acesso pela fé a esta Graça, na qual estamos firmes, e gloriemo-nos na esperança da Glória de Deus. E não somente isso, mas também gloriemo-nos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a perseverança, e a perseverança a experiência, e a experiência a esperança; e a esperança não desaponta, porquanto o Amor de Deus está derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado. Pois, quando ainda éramos fracos, Cristo morreu a seu tempo pelos ímpios. Porque dificilmente haverá quem morra por um justo; pois poderá ser que pelo homem bondoso alguém ouse morrer. Mas Deus dá prova do seu Amor para conosco, em que, quando éramos ainda pecadores, Cristo morreu por nós. Logo muito mais, sendo agora justificados pelo seu Sangue, seremos por Ele salvos da ira.” (Romanos 5:1-9)

Sabendo que fomos justificados por nosso Senhor Jesus Cristo, sabendo que Ele, ao morrer, levou todos os nossos pecados, deixando-nos livres para viver uma vida de santidade Nele e assim alcançarmos a salvação, que é o nosso objetivo, então que sejamos perseverantes Nele. Portanto, devemos, como cristãos perseverantes, inteligentes, confiantes no Senhor, viver em constante alegria, sempre louvando e agradecendo ao Senhor, pois pela fé sabemos qual será o nosso destino final. Por tal motivo não podemos nos deixar abater por tristeza ou chateação, nada que o mundo faça pode nos entristecer, nenhuma pessoa tem o poder de trazer tristezas ou dores infindáveis a nós, pois sabemos que já somos vencedores em Cristo Jesus. E essas pequenas e momentâneas tribulações só servem para nos aperfeiçoar mais, para nos conduzir para mais próximo do Senhor. Assim sabemos que, se vivermos reclamando, lamentando, é porque não conhecemos o Senhor e não cremos em sua Palavra, pois, se assim fosse, saberíamos que isso é esperado na vida de todos os que são seguidores de Cristo. Tendo esse conhecimento, não nos deixemos abater, ao contrário, que nos alegremos e vivamos sempre e em tudo louvando e exaltando o Nome do Senhor.

“Porque se nós, quando éramos inimigos, fomos reconciliados com Deus pela morte de seu Filho, muito mais, estando já reconciliados, seremos salvos pela sua vida. E não somente isso, mas também nos gloriamos em Deus por nosso Senhor Jesus Cristo, pelo qual agora temos recebido a reconciliação. Portanto, assim como por um só homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens, porquanto todos pecaram. Porque antes da lei já estava o pecado no mundo, mas onde não há lei o pecado não é levado em conta. No entanto a morte reinou desde Adão até Moisés, mesmo sobre aqueles que não pecaram à semelhança da transgressão de Adão o qual é figura daquele que havia de vir. Mas não é assim o Dom gratuito como a ofensa. Porque, se pela ofensa de um morreram muitos, muito mais a Graça de Deus, e o Dom pela Graça, que é de um só homem, Jesus Cristo, abundou sobre muitos.” (Romanos 5:10-15). Todos os que estão vivendo no erro, nos pecados, e tudo que é contrário à Palavra de Deus, estão em rebeldia, e estando em rebeldia, são considerados inimigos de Deus. Não existe meio termo, ou se está com o Senhor, ou se está contra Ele, isto Jesus deixou bem claro, portanto, todas as pessoas que teimam em viver algum pecadinho estão se colocando frontalmente contra o Senhor e são vistas por Ele como inimigas. Todos nós já nascemos no pecado, por causa da nossa herança adâmica, entretanto, quando crescemos e tomamos consciência disso, se permanecermos longe de Cristo, o nosso final é somente um, seremos enviados para o tormento e morte eterna. Então, quando soubermos isso, que nos convertamos a quem pode nos salvar, que é Cristo, pois Ele já veio e sofreu em nosso lugar para que pudéssemos ter vida. Ao não aceitar essa salvação estamos mostrando que somos tolos, pois Jesus Cristo é o único que pode nos salvar, portanto, devemos abrir mão dos erros, pois toda rebeldia, pecado impede que sejamos salvos; não são palavras, orações e cantos que nos salvam, mas nossa submissão a Ele. Só podemos demonstrar amor a Ele pela obediência, todo o resto é somente hipocrisia. Quando nos rebelamos achando que podemos nós mesmos fazer alguma coisa e queremos desfrutar de tudo por nós mesmos, estamos mostrando o quão louco somos, e principalmente somos suicidas. “Também não é assim o Dom como a ofensa, que veio por um só que pecou; porque o juízo veio, na verdade, de uma só ofensa para condenação, mas o Dom gratuito veio de muitas ofensas para justificação. Porque, se pela ofensa de um só, a morte veio a reinar por esse, muito mais os que recebem a abundância da Graça, e do Dom da Justiça, reinarão em vida por um só, Jesus Cristo. Portanto, assim como por uma só ofensa veio o juízo sobre todos os homens para condenação, assim também por um só ato de justiça veio a Graça sobre todos os homens para justificação e vida. Porque, assim como pela desobediência de um só homem muitos foram constituídos pecadores, assim também pela obediência de um muitos serão constituídos justos. Sobreveio, porém, a lei para que a ofensa abundasse; mas, onde o pecado abundou, superabundou a Graça; para que, assim como o pecado veio a reinar na morte, assim também viesse a reinar a Graça pela justiça para a vida eterna, por Jesus Cristo nosso Senhor.” (Romanos 5:16-21).

Leiam e pratiquem a Bíblia, mais especificamente o Novo Testamento.

Que Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino


5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page