top of page
  • Foto do escritorPr. Henrique Lino da Silva

Fortalecer a fé



“Pelo que, não podendo mais suportar o cuidado por vós, achamos por bem ficar sozinhos em Atenas, e enviamos Timóteo, nosso irmão, e ministro de Deus no Evangelho de Cristo, para vos fortalecer e vos exortar acerca da vossa fé; para que ninguém seja abalado por estas tribulações; porque vós mesmo sabeis que para isto fomos destinados; pois, quando estávamos ainda convosco, de antemão vos declarávamos que havíamos de padecer tribulações, como sucedeu, e vós o sabeis. Por isso também, não podendo eu esperar mais, mandei saber da vossa fé, receando que o tentador vos tivesse tentado, e o nosso trabalho se houvesse tornado inútil.” (1 Tessalonicenses 3:1-5)

 

                  Vemos aqui a preocupação de Paulo com os Irmãos de Tessalônica, porque, apesar de ter alertado que iriam passar por tribulações, teve receio de que alguns pudessem ter se desviado por causa das lutas, e por esse motivo enviou Timóteo para obter notícias e, principalmente, fortalecer a fé deles, e não lhes deixar desanimar, mas  animá-los a prosseguir olhando para o Alvo, que é Jesus Cristo. Vemos que a pregação de Paulo é totalmente diferente das pregações modernas que se ouve nas igrejas por esses famosos pregadores, que dizem que as pessoas têm que desfrutar o melhor, que Deus deseja que todos sejam felizes e prósperos, e assim enganam muitos, porque através dessas pregações convencem as pessoas a ofertarem mais, participarem das suas campanhas estranhas e votos mentirosos e desonestos. Devemos saber, atentar para o fato de que o cristão tem que esperar, que haverá lutas, batalhas, perseguições aqui, e não podemos ficar aguardando conforto, ou reconhecimento, uma vez que estamos em território inimigo, portanto, é normal e esperado que sejamos perseguidos, porque se está tudo bem, se somos admirados, respeitados, queridos e desejados pelo mundo, é porque também somos do mundo, e se somos do mundo, então somos  inimigos de Deus, e como inimigos do Senhor, então podemos esperar o sofrimento eterno, pois o Senhor nos enviará para padecer por toda a eternidade, passaremos toda a eternidade sofrendo como nunca imaginamos.

         “Mas agora que Timóteo acaba de regressar do vosso meio, trazendo-nos boas notícias da vossa fé e do vosso amor, dizendo que sempre nos tendes em afetuosa lembrança, anelando ver-nos assim como nós também a vós; por isso, irmãos, em toda a nossa necessidade e tribulação, ficamos consolados acerca de vós, pela vossa fé, porque agora vivemos, se estais firmes no Senhor. Pois, que ação de graças podemos render a Deus por vós, por todo o gozo com que nos regozijamos por vossa causa diante do nosso Deus, rogando incessantemente, de noite e de dia, para que possamos ver o vosso rosto e suprir o que falta à vossa fé?” (1 Tessalonicenses 3:6-10) Quando Timóteo regressa, traz a informação de que os irmãos, apesar das lutas pelas quais estavam passando, e principalmente sabendo das lutas de Paulo e dos irmãos, não desanimaram, ao contrário, ainda se preocupam e oram por eles. Assim, também nós, quando ficamos sabendo que os irmãos em várias partes do mundo estão firmes, perseverando nas lutas, e sem jamais pensar em desistir, em olhar para trás, isto nos enche de orgulho e rendemos Graças ao Senhor. Agradecemos a Deus pelas vidas dos irmãos que são fiéis. Por isto sempre fazemos questão de falar e expor a verdade a todos, para que saibam que o Evangelho, diferentemente do que é ensinado por aí, é contrário à prosperidade e boa vida, mas exige sim a renúncia, uma vez que, para virmos para Cristo, temos que renunciar a tudo, principalmente a nós mesmos, a nossa vontade, a nosso querer. Todos têm que aprender que o chamado para seguir a Cristo é para pegarmos, tomarmos posse das nossas cruzes e carregá-la, cruz é sinônimo de sofrimento, e aflições, sabermos então que, ao nos convertermos, o que nos espera aqui são lutas e sofrimentos, mas, se perseverarmos, venceremos e teremos vida em Cristo, descansaremos por toda a eternidade. Basta analisarmos, pois somos chamados para seguir Jesus, somos chamados para reconhecermos e aceitarmos Jesus Cristo como nosso Mestre, nosso Pastor Supremo,  então temos que analisar  como foi que Ele viveu e se portou aqui no tempo em que esteve na carne; veremos que  nunca teve descanso aqui, pois era o tempo todo perseguido e traído, abandonado como vimos, e se somos seus seguidores, então temos que esperar o mesmo tratamento, afinal, falamos em seu Nome, e se o mundo o tratou mal, nós seremos  tratados pior ainda. “Ora, o próprio Deus e Pai nosso e o nosso Senhor Jesus nos abram o caminho até vós, e o Senhor vos faça crescer e abundar em amor uns para com os outros e para com todos, como também nós abundamos para convosco; para vos confirmar os corações, de sorte que sejam irrepreensíveis em santidade diante de nosso Deus e Pai, na vinda de nosso Senhor Jesus com todos os seus santos.” (1 Tessalonicenses 3:11-13).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino

14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page