• Pr. Henrique Lino da Silva

Firmes na liberdade

“Estai, pois, firmes na liberdade com que Cristo nos libertou, e não torneis a colocar-vos debaixo do jugo da servidão. Eis que eu, Paulo, vos digo que, se vos deixardes circuncidar, Cristo de nada vos aproveitará.” (Gl 5:1-2)

Devemos estar firmes que Cristo nos libertou. Devemos nos manter onde Jesus nos colocou, não nos deixarmos esmorecer ou ter dúvidas, mas simplesmente crermos em sua Palavra, afinal, vivemos é pela fé em sua Palavra. As pessoas muitas vezes acham que devem fazer alguma coisa, algum sacrifício, que têm de se sacrificar para que Deus as veja e receba as suas orações e lhes responda. Temos que entender que o único sacrifício que Deus quis foi o de Jesus Cristo, o Cordeiro mudo, pois Ele se entregou em nosso lugar. Os judeus teimam em se circuncidar, mas devemos compreender que a circuncisão nada mais é do que um sinal na carne, uma marca no prepúcio dos homens. Temos de aceitar que somos filhos da Promessa e não da lei, portanto, a nossa circuncisão tem que ser no coração, e não na carne. Não vivemos na lei, vivemos na Graça de Cristo, vivemos na liberdade que há em Jesus, portanto, não precisamos e não devemos fazer qualquer sacrifício. Os judeus assim procedem porque teimam em não aceitar Jesus como o Messias, o Salvador, e vivem até hoje esperando o Messias, só que não perceberam que Jesus já está voltando pela segunda vez, e eles ficarão porque não creram no Filho de Deus. “E de novo protesto a todo o homem, que se deixa circuncidar, que está obrigado a guardar toda a lei. Separados estais de Cristo, vós os que vos justificais pela lei; da graça tendes caído.” (Gálatas 5:3-4).Todos os que teimam em se circuncidar, como a maioria dos Judeus ainda fazem até hoje, têm que saber que devem guardar, viver a antiga lei em sua totalidade, pois a Palavra diz que é maldito todo aquele que não guardar toda a lei. Os que  procuram viver na lei estão separados de Cristo, isto quer dizer que não há salvação para esses, a menos que se convertam a Cristo, pois eles vivem somente uma religião, que se baseia em ritos e sacrifícios de animais, mas também não vemos mais eles  sacrificando animais e aspergindo o sangue dos mesmos nos altares. Assim, o que  eles praticam é  somente uma parte da lei, uma religião nova, moderna, adaptada aos tempos modernos,  portanto, estão longe de Cristo, e quem está longe de Cristo está longe da vida. “Porque nós pelo Espírito da fé aguardamos a esperança da justiça. Porque em Jesus Cristo nem a circuncisão nem a incircuncisão tem valor algum; mas sim a fé que opera pelo amor.” (Gálatas 5:5-6). Nós, pela fé em Cristo, no Verbo, na Palavra, vivemos de acordo com a liberdade que ela nos dá. Por crermos em Jesus, sabemos que não merecemos nada, e que nada que façamos nos torna merecedores da Graça de Cristo, que, como o próprio nome diz, é Graça, isto quer dizer gratuito, portanto, basta vivermos segundo a fé em Cristo, e não temos que fazer nenhuma espécie de sacrifício. Todas as pessoas que acham que devem fazer alguma coisa para que Deus possa ouvi-las, ou que possa agradá-lo fora do Evangelho são pessoas que não o conhecem. Devemos aprender a somente nos unir ao Senhor, e essa união se dá através de obediência ao Senhor, que se completa pela fé, porque, crendo em Jesus, sabemos como devemos proceder, mesmo porque Ele deixou o manual de vida para o seguirmos. “Corríeis bem; quem vos impediu, para que não obedeçais à verdade? Esta persuasão não vem daquele que vos chamou. Um pouco de fermento leveda toda a massa.” (Gálatas 5:7-9). Muitos buscam o Senhor por estarem passando por algum deserto, por algumas lutas e querendo solucioná-las, querendo respostas por parte do Senhor. Essas pessoas se dirigem a um templo onde há um chamamento que atrai os desconhecedores da Palavra de Deus. E esses espertalhões dirigentes desses templos, para se aproveitarem das situações, do desespero das pessoas, exigem sacrifícios delas, que fazem de tudo, dão o que não têm pensando que estão fazendo algo que agrada ao Senhor. Não percebem que estão simplesmente enriquecendo homens e templos. Temos que tomar muito cuidado para que não nos desviemos do Evangelho de Jesus Cristo dentro dos templos, mesmo porque esses líderes religiosos espertalhões pregam contra o Evangelho porque, se fizermos uma análise à luz do Evangelho, veremos que eles falam heresias. Assim, devemos voltar ao Evangelho de Cristo e abandonar qualquer ensino que seja contrário a Ele. Não somos praticantes da lei, mas da Graça, porque vivemos Nela, uma vez que ela é o próprio Jesus Cristo, que é a vida, e nós temos compromisso é com a vida, e não com a morte. “Confio de vós, no Senhor, que nenhuma outra coisa sentireis; mas aquele que vos inquieta, seja ele quem for, sofrerá a condenação.” (Gálatas 5:10). A verdade é que todos esses que teimam em ensinar um evangelho diferente, o evangelho dos votos, dos sacrifícios, com certeza sofrerão a condenação. Não importa se existe alguma coisa nesses templos que nos agrade. Na verdade, por mais que eles façam, não anularão as heresias, os desvios das ovelhas do Senhor. Portanto, devemos nos afastar desses templos, desses pregadores que vivem exigindo votos, sacrifícios, fogueiras santas ou campanhas, de todos que dedicam mais tempo a apresentar envelopes do que a apresentar o Evangelho, a Palavra da vida. “Eu, porém, irmãos, se prego ainda a circuncisão, por que sou, pois, perseguido? Logo o escândalo da cruz está aniquilado. Eu quereria que fossem cortados aqueles que vos andam inquietando. Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.” (Gálatas 5:11-13). Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe. Um abraço, Pr. Henrique Lino

Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

0 visualização

©2020 por Ministério Atalaia do Evangelho de Deus.

Siga-nos nas redes sociais!

  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social
  • Instagram