top of page
  • Foto do escritorPr. Henrique Lino da Silva

Filhos de Deus



“Vede que grande amor nos tem concedido o Pai: que fôssemos chamados filhos de Deus; e nós o somos. Por isso o mundo não nos conhece; porque não conheceu a Ele. Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não é manifesto o que havemos de ser. Mas sabemos que, quando Ele se manifestar, seremos semelhantes a Ele; porque assim como é, o veremos. E todo o que Nele tem esta esperança, purifica-se a si mesmo, assim como Ele é puro.” (1 João 3:1-3)

Não podemos nos esquecer do Amor de Deus para com todos nós, pecadores, pois, para que pudéssemos ser salvos, para que fossemos também reconhecidos como filhos, Ele enviou o seu único Filho, legítimo, para sofrer e morrer por todos nós, pecadores. Jesus veio e morreu por nós todos quando estávamos no pecado, uma vez que o perdão só veio através Dele, assim estávamos sujos, e Ele veio nos limpar. Todos os que o aceitaram e reconheceram o sacrifício da cruz, que entenderam de viver segundo a sua vontade, seus preceitos, foram feitos filhos Dele, portanto, se estamos vivendo de acordo com a sua Palavra, então somos os seus filhos. Somos filhos Dele, mas ainda não somos o que buscamos, ainda não fomos totalmente transformados, e isso somente ocorrerá com a sua vinda, quando tudo o que é carnal se transformará, e todos seremos somente espirituais, pois estaremos com corpos glorificados, assim como Jesus está. Quando subirmos com Jesus, estaremos indo para nossa casa com o nosso Pai, onde viveremos, passaremos por toda a eternidade em eterno descanso, onde não mais sofreremos, não haverá tristezas, dores, nem haverá choro. Hoje vemos o Senhor somente na sua Palavra, pois Ele é a Palavra, e nós o veremos exatamente como Ele é, pois também seremos. Mas isso só acontecerá em nossas vidas se estivermos nos purificando, se estivermos procurando viver a sua Palavra, se estivermos mortificando a nossa carne, não estivermos vivendo no mundo em busca dos seus prazeres. Sempre faço questão de lembrar que não basta somente orar, jejuar, ler a Bíblia; ser cristão é seguir Cristo, é viver em santidade, é viver separado, é não pecar, mas, se pecarmos, imediatamente deveremos nos arrepender e pedirmos perdão ao Senhor.

“Todo aquele que vive habitualmente no pecado também vive na rebeldia, pois o pecado é rebeldia. E bem sabeis que Ele se manifestou para tirar os pecados; e Nele não há pecado. Todo o que permanece Nele não vive pecando; todo o que vive pecando não o viu nem o conhece.” (1 João 3:4-6). Não importa se estamos dentro de templos denominacionais, se estamos orando muito e lendo a Bíblia, se estivermos praticando algum pecado, não conhecemos, não sabemos quem Ele é, porque Ele é Santo, e para nos aproximarmos Dele, é necessário que sejamos santos, é preciso viver em constante santidade, é necessário procurar ser igual a Ele. Todos os que estão praticando qualquer tipo de pecado estão se rebelando contra Ele, porque todos os pecados são rebeldia a sua Palavra, a suas determinações. Portanto, ninguém que se diz cristão peca deliberadamente, e todos os que estão vivendo de maneira arbitrária à Palavra de Deus não sabem quem é o Senhor, porque, se soubessem o que realmente aguarda os desobedientes, não pecariam. No Senhor não existe nada de pecado, nada de escuridão, nada de trevas, e assim sabemos que nada, ninguém que está em trevas, porque pecado é trevas, pode se aproximar do Senhor, portanto, se não se aproximam do Senhor, estão juntos, sendo servos do diabo. Assim, sabemos e declaramos sem sombra de dúvidas, sem medo de errar, afirmamos categoricamente que todos os que vivem no pecado irão padecer por toda a eternidade no inferno. “Filhinhos, ninguém vos engane; quem pratica a justiça é justo, assim como Ele é justo; quem comete pecado é do Diabo; porque o Diabo peca desde o princípio. Para isto o Filho de Deus se manifestou: para destruir as obras do Diabo. Aquele que é nascido de Deus não peca habitualmente; porque a semente de Deus permanece nele, e não pode continuar no pecado, porque é nascido de Deus. Nisto são manifestos os filhos de Deus, e os filhos do Diabo: quem não pratica a justiça não é de Deus, nem o que não ama a seu irmão.” (1 João3:7-10).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino


10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Σχόλια


bottom of page