• Pr. Henrique Lino da Silva

E OS LAVRADORES MAUS


“E começou a falar-lhes por parábolas: Um homem plantou uma vinha, e cercou-a de um valado, e fundou nela um lagar, e edificou uma torre, e arrendou-a a uns lavradores, e partiu para fora da terra.” (Marcos 12:1)

         Jesus tinha o hábito de falar, de se referir a muitos assuntos utilizando-se de parábolas, que nada mais são do que uma maneira ilustrada de expor um tema. Aqui Ele conta a parábola que ficou conhecida como a parábola dos lavradores maus. Essa parábola serve para nós, porque nada temos ou trouxemos para este mundo, mas o Senhor providencia meios, condições, para que possamos viver com dignidade, além de ajudar, socorrer o próximo, porque tudo o que temos não é nosso, é do Senhor, que deixou para que administrássemos de maneira correta. Mas nos tornamos gananciosos, idólatras e agimos de maneira errada e contrária à Palavra de Deus, ao propósito do Senhor para com as nossas vidas. O Senhor nos dá um lar, pois nascemos e encontramos pais amorosos que tudo fazem para que tenhamos o que precisamos, principalmente amor. Recebemos educação, somos treinados e capacitados para trabalharmos, conquistarmos, termos as nossas famílias, casar e agir da mesma maneira. Uns serão profissionais liberais, outros patrões, empregados, lavradores, técnicos, enfim, cada um ocupará o seu lugar, e continuarão a lutar para crescer mais. O problema é que muitos se esquecem de que não somos donos de nada, tudo o que temos em nosso poder pertence ao Senhor, que nos arrendou, deixou para que administrássemos de maneira correta. Nada temos aqui, porque, da mesma maneira como viemos ao mundo, dele sairemos sem levar nada, mas o que temos aqui é para ser administrado de acordo com a vontade do Senhor, e não ao nosso bel prazer. Portanto, quando vemos pessoas adorarem objetos ou pessoas, sabemos que estão erradas e indo contra a Palavra de Deus, porque a casa em que moramos, o carro que usamos, ou a moto, o dinheiro que recebemos, nada nos pertence, tudo devemos simplesmente administrar de acordo com a vontade do Senhor. “E, chegado o tempo, mandou um servo aos lavradores para que recebesse, dos lavradores, do fruto da vinha. Mas estes, apoderando-se dele, o feriram e o mandaram embora vazio.” (Marcos 12:2-3). Temos que entender que iremos prestar contas de tudo o que o Senhor nos deu, que no momento exato vamos explicar como gastamos o nosso dinheiro, ou como cuidamos da nossa família. Tudo o que achamos que é nosso, na verdade, existe somente para tomarmos conta.

 “E tornou a enviar-lhes outro servo; e eles, apedrejando-o, o feriram na cabeça, e o mandaram embora, tendo-o afrontado. E tornou a enviar-lhes outro, e a este mataram; e a outros muitos, dos quais a uns feriram e a outros mataram.” (Marcos 12:4-5). O Senhor tem enviado constantemente os seus servos para receberem os frutos, mas nós não os estamos entregando, nós estamos espancando os seus enviados. Sim, porque, quando alguém vem até nós pedindo uma ajuda, um socorro, e nos negamos a atendê-lo, estamos nos recusando a dar os frutos ao Senhor. Quando pagamos um salário baixo, ou somos desonestos com os pagamentos de nossos colaboradores, com os funcionários, ou quando deixamos de cuidar dos nossos filhos, de ensinar-lhes e educá-los de acordo com a Palavra de Deus, quando não somos honestos com os nossos cônjuges, quando mentimos, quando estamos agindo dessa maneira, estamos sendo infiéis e espancando, apedrejando os enviados do Senhor. A nossa educação, cultura, inteligência também pertencem ao Senhor, e quando não a usamos em conformidade com o Evangelho de Jesus Cristo, estamos nos negando a devolver o que pertence a Ele. Quando dedicamos tempo, dinheiro e conforto a um animalzinho de estimação e negamos o básico para um ser humano, estamos apedrejando os servos do Senhor. Quando conhecemos a Verdade e não a vivemos e ensinamos o erro para outras pessoas com palavras ou com a nossa maneira de viver, estamos negando entregar o que não nos pertence; quando deixamos de amar o próximo como a nós mesmos por causa de cor, credo ou padrão de vida, estamos sendo infiéis, e sabemos que os infiéis não herdarão o Reino de Deus. “Tendo ele, pois, ainda um seu filho amado, enviou-o também a estes por derradeiro, dizendo: Ao menos terão respeito ao meu filho. Mas aqueles lavradores disseram entre si: Este é o herdeiro; vamos, matemo-lo, e a herança será nossa. E, pegando dele, o mataram, e o lançaram fora da vinha.” (Marcos 12:6-8). Deus envia os seus servos o tempo todo, e nós constantemente estamos rejeitando, expulsando, apedrejando, então o Senhor enviou o seu Filho amado, enviou Jesus, que é o Verbo, a Palavra, e nós ouvimos e sabemos quem é Ele, mas o rejeitamos. E quando rejeitamos o Filho de Deus, estamos matando-o, estamos exigindo a sua morte assim como os judeus do passado pediram: “crucifica, crucifica”. Todas as vezes em que fazemos o que não deveríamos, quando não usamos com parcimônia, com dignidade o que o Senhor nos deu para administrar, estamos matando, crucificando o Filho de Deus, porque Jesus, sendo a Palavra, e nós sabendo o que deveríamos fazer, não o fazendo, estamos matando-o. E com certeza iremos prestar contas, pois o Senhor não permitirá que pisemos o Sangue do seu Filho e saiamos impunes. “Que fará, pois, o senhor da vinha? Virá, e destruirá os lavradores, e dará a vinha a outros. Ainda não lestes esta Escritura: A pedra, que os edificadores rejeitaram, esta foi posta por cabeça de esquina; isto foi feito pelo Senhor E é coisa maravilhosa aos nossos olhos? E buscavam prendê-lo, mas temiam a multidão; porque entendiam que contra eles dizia esta parábola; e, deixando-o, foram-se.” (Marcos 12:9-12).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.

Um abraço,


Pr.Henrique Lino 

Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas,  ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

1 visualização

©2020 por Ministério Atalaia do Evangelho de Deus.

Siga-nos nas redes sociais!

  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social
  • Instagram