top of page
  • Foto do escritorPr. Henrique Lino da Silva

A função do milagre é abençoar



“Pedro e João subiam ao templo à hora da oração, a nona. E, era carregado um homem, coxo de nascença, o qual todos os dias punham à porta do templo, chamada Formosa, para pedir esmolas aos que entravam. Ora, vendo ele a Pedro e João, que iam entrando no templo, pediu que lhe dessem uma esmola. E Pedro, com João, fitando os olhos nele, disse: Olha para nós. E ele os olhava atentamente, esperando receber deles alguma coisa. Disse-lhe Pedro: Não tenho prata nem ouro; mas o que tenho, isso te dou; em Nome de Jesus Cristo, o Nazareno, anda. Nisso, tomando-o pela mão direita, o levantou; imediatamente os seus pés e artelhos se firmaram e, dando ele um salto, pôs-se em pé. Começou a andar e entrou com eles no templo, andando, saltando e louvando a Deus. Todo o povo, ao vê-lo andar e louvar a Deus, reconhecia-o como o mesmo que estivera sentado a pedir esmola à Porta Formosa do templo; e todos ficaram cheios de pasmo e assombro, pelo que lhe acontecera.” (Atos 3:1-10)

Os apóstolos Pedro e João estavam indo para o templo orar segundo o costume judaico: a hora nona, quando Jesus morreu, era por volta das 3 horas da tarde. Na época da Bíblia, não havia relógios, e as pessoas contavam o tempo de forma diferente. Em vez de contarem as horas a partir da meia-noite ou do meio-dia, normalmente contavam o tempo a partir do nascer e do pôr do sol. Os judeus tinham o hábito de orar a determinada hora ao dia, e a nona hora era uma delas. Quando Pedro e João chegaram à porta do templo, depararam com aquele deficiente físico de nascença, que todos os dias era colocado na porta do templo para pedir esmola às pessoas que entravam. Quando ele se dirigiu aos apóstolos com a esperança de ganhar algumas moedas, não sabia que o Senhor já o tinha escolhido para ser abençoado, curado e servir de testemunho para todos, e durante centenas de anos por todo o mundo. Os apóstolos, assim como os verdadeiros homens de Deus atuais, não tinham dinheiro, e disseram isso a ele que estava mendigando, mas o que tinham lhe dariam. Eles tinham Jesus, e quem tem Jesus tem a cura, e assim eles, em Nome do Senhor Jesus, deram a ordem, mandaram ele ficar de pé e o ajudaram. Ele imediatamente ficou em pé, e os seus pés se curaram automaticamente, e todo alegre, saltitante, entrou com os apóstolos no templo glorificando Deus. As pessoas, ao vê-lo glorificando Deus, reconheceram o milagre, pois todos o conheciam e sabiam que ele era o deficiente físico que vivia na porta do templo. Grande e poderoso testemunho, e veremos que muitas pessoas se curvarão diante do Senhor, diante do que presenciaram.

“Apegando-se o homem a Pedro e João, todo o povo correu atônito para junto deles, ao pórtico chamado de Salomão. Pedro, vendo isto, disse ao povo: Varões israelitas, por que vos admirais deste homem? Ou, por que fitais os olhos em nós, como se por nosso próprio poder ou piedade o tivéssemos feito andar? O Deus de Abraão, de Isaque e de Jacó, o Deus de nossos pais, glorificou a seu Servo Jesus, a quem vós entregastes e perante a face de Pilatos negastes, quando este havia resolvido soltá-lo. Mas vós negastes o Santo e Justo, e pedistes que se vos desse um homicida; e matastes o Autor da Vida, a quem Deus ressuscitou dentre os mortos, do que nós somos testemunhas. E pela fé em seu Nome fez o seu Nome fortalecer a este homem que vedes e conheceis; sim, a fé, que vem por Ele, deu a este, na presença de todos vós, esta perfeita saúde. Agora, irmãos, eu sei que o fizestes por ignorância, como também as vossas autoridades. Mas Deus assim cumpriu o que já dantes pela boca de todos os seus profetas havia anunciado que o seu Cristo havia de padecer. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, de sorte que venham os tempos de refrigério, da presença do Senhor, e envie Ele o Cristo, que já dantes vos foi indicado, Jesus, ao qual convém que o Céu receba até os tempos da restauração de todas as coisas, das quais Deus falou pela boca dos seus santos profetas, desde o princípio.” (Atos 3:11-21). Temos que aprender que a função do milagre é abençoar, diminuir os sofrimentos de pessoas e, principalmente, servir como testemunho, para que as pessoas reconheçam o Poder de Deus e venham entregar as suas vidas a Ele. Mas, atualmente, ele é usado de maneira indevida, para exaltar homens, para ganhar dinheiro, pois as pessoas ficam pedindo ofertas, a partir de algum sinalzinho, que muitas vezes não é milagre do Senhor, e sim malandragem de líderes e pregadores para ficarem pedindo ofertas. Temos que entender que quem faz os milagres é o Senhor, nós só somos usados por Ele, mas toda a Glória e Honra pertencem a Ele, assim como Pedro fez questão de mostrar e não aceitou glória para eles. As pessoas têm que compreender que nada somos, que tudo é o Senhor, todo o Poder vem Dele, e tudo acontece com um propósito definido, que é de propagar o Evangelho, e não enriquecer homens. Não precisamos de templos luxuosos, precisamos de pessoas se convertendo a Cristo. “Pois Moisés disse: Suscitar-vos-á o Senhor vosso Deus, dentre vossos irmãos, um profeta semelhante a mim; a ele ouvireis em tudo quanto vos disser. E acontecerá que toda alma que não ouvir a esse profeta, será exterminada dentre o povo. E todos os profetas, desde Samuel e os que sucederam, quantos falaram, também anunciaram estes dias. Vós sois os filhos dos profetas e do pacto que Deus fez com vossos pais, dizendo a Abraão: Na tua descendência serão abençoadas todas as famílias da terra. Deus suscitou a seu Servo, e a vós primeiramente vo-lo enviou para que vos abençoasse, desviando-vos, a cada um, das vossas maldades.” (Atos 3:22-26).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Mais especificamente o Novo Testamento.

Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino


5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page