top of page
  • Foto do escritorPr. Henrique Lino da Silva

Ó insensatos evangélicos




“Ó insensatos gálatas! quem vos fascinou para não obedecerdes à Verdade, a vós, perante os olhos de quem Jesus Cristo foi evidenciado, crucificado, entre vós? Só quisera saber isto de vós: recebestes o Espírito pelas obras da lei ou pela pregação da fé? Sois vós tão insensatos que, tendo começado pelo Espírito, acabeis agora pela carne? Será em vão que tenhais padecido tanto? Se é que isso também foi em vão. Aquele, pois, que vos dá o Espírito, e que opera maravilhas entre vós, o faz pelas obras da lei, ou pela pregação da fé? Assim como Abraão creu em Deus, e isso lhe foi imputado como justiça. Sabei, pois, que os que são da fé são filhos de Abraão. Ora, tendo a Escritura previsto que Deus havia de justificar pela fé os gentios, anunciou primeiro o Evangelho a Abraão, dizendo: Todas as nações serão benditas em ti. De sorte que os que são da fé são benditos com o crente Abraão.” (Gálatas 3:1-9)

       De igual maneira nós falamos: Ó insensatos evangélicos, quem foi que os fascinou para não obedecerdes ao Evangelho de Jesus Cristo, a Verdade Única? Em sua maioria eles buscam ainda respostas e bênçãos na Antiga lei ou nos profetas, e não percebem que com essa atitude estão ignorando o Nosso Senhor Jesus Cristo, que veio, sofreu e morreu por cada um de nós. A bem da verdade, o nosso adversário tem enganado as pessoas, e elas estão se desviando do Caminho da Verdade dentro dos templos evangélicos. As pessoas buscam uma congregação para servir a Cristo, mas dentro delas são desviadas e passam a ofender o Senhor e, consequentemente, adorar o diabo. Basta observarmos os ensinos e as pregações heréticas praticadas na maioria das congregações, e não podemos esquecer que cada uma delas criou as suas próprias doutrinas estranhas e falsas. Deveria existir nos templos e congregações somente uma doutrina, que é a Doutrina do Nosso Senhor Jesus Cristo, mas não é isso que acontece. Vemos as pessoas considerarem todos os que frequentam templos denominacionais como sendo salvos, ou filhos e filhas de Deus, e não percebem que com essa atitude estão ajudando a difundir o erro, que estão assim também trabalhando em prol das trevas, porque a Bíblia nos mostra que somente são filhos de Deus os que o aceitam, o temem e praticam a sua Palavra, quem vive segundo as suas determinações, e todo o resto é simplesmente feitura, criatura Dele. Serão salvos são os que se uniram a Ele em obediência, e não os que vivem falando, ou simplesmente estão em alguma prática religiosa.

         “Todos aqueles, pois, que são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque está escrito: Maldito todo aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las. E é evidente que pela lei ninguém será justificado diante de Deus, porque o justo viverá pela fé. Ora, a lei não é da fé; mas o homem, que fizer estas coisas, por elas viverá.” (Gálatas 3:10-12). Ser uma pessoa de fé é ser imitador da fé de Abrão, que é considerado o pai da fé, pois ele ouviu a voz de Deus, e não titubeou quando Deus o mandou abandonar todos os seus parentes e a sua terra e que fosse para um outro lugar que somente depois lhe seria mostrado. Também o Senhor, para colocá-lo à prova, exigiu que sacrificasse seu filho Isaque, e ele também não teve dúvidas. Assim os que são da fé, os que vivem na fé em Jesus e praticam a sua Palavra esses serão salvos, mas os que teimam em viver falando, ensinando e apregoando sobre Moisés e a lei, ou sobre os profetas, não são filhos de Deus, eles não amam o seu Filho. Não é Isaías, Jeremias, Moisés ou Ezequiel que salva alguém, mas somente um, que é Jesus, só quem crê e vive em Jesus terá vida, pois Jesus é a vida. “Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro; Para que a bênção de Abraão chegasse aos gentios por Jesus Cristo, e para que pela fé nós recebamos a promessa do Espírito.” (Gálatas 3:13,14).

 

 Leiam e pratiquem a Bíblia, mais especificamente o Novo Testamento. Que Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino

 

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


bottom of page