Artigos


  • Novo telefone 4020-9729

    Não é necessário acrescentar DDD para ligações nacionais à distância

  • Envie Seu Testemunho

    Envie seu testemunho para ser colocado em nosso portal, com certeza irá edificar muitas vidas.

  • Pr. Henrique Lino Ao Vivo

    Mensagens fé e ousadia de segunda à sexta às 07h da manhã. Clique aqui!

  • Casamento

    Deus tem compromisso com o casamento, busque ajuda!

  • Cadastre e Receba nossas Mensagens

    Fique por dentro de tudo que acontece no meio cristão e ainda receba estudos, palavras e muito mais todos os dias gratuitamente em seu e-mail.

  • Pergunte ao Pastor

    Esclareça suas dúvidas, deixe sua pergunta para o pastor

  • Comentários: 1
  • 23 August 2017 03:26
  • em Mensagem do Dia
  • por portal
  • Visitas: 150
  • Última modificação: -/-
  • (Classificação atual 0.0/5 Estrelas) Total de votos: 0

NO HORTO

0 0
"Tendo Jesus dito isto, saiu com os seus discípulos para além do ribeiro de Cedrom, onde havia um horto, no qual Ele entrou e seus discípulos." (João 18:1)
 
         Jesus tinha acabado de fazer três orações maravilhosas, tinha orado por si mesmo, depois orou pelos seus discípulos e, finalmente, orou por todos os crentes. Depois que terminou de fazer essas orações, Ele saiu e foi em direção ao horto, onde várias vezes tinha passado a noite, e todos os seus discípulos sabiam disso. Inúmeras vezes Jesus durante o dia estava no templo pregando, ensinando, e à noite se retirava para aquele horto. A Bíblia nos conta que muitas vezes Jesus dormia ali naquele horto com os seus discípulos, isto porque Ele não tinha uma morada certa, era recebido nas casas das pessoas, mas em nenhum momento soubemos que Ele tinha alguma propriedade. Mas queremos comentar é o fato de que Jesus sabia tudo o que iria lhe acontecer, sabia tudo o que o aguardava, e em nenhum momento tentou fugir ou se desviar do que havia sido proposto por Deus. Ele sabia que seria traído por Judas Iscariotes, e mesmo assim o chamou de amigo; sabia que seria preso, humilhado, espancado, crucificado e que morreria, mas sabia também que dentro de três dias o Pai o ressuscitaria. Sabia que passaria por sofrimento e dores atrozes, mas em nenhum momento tentou se desviar de seu caminho, tendo sido obediente até a morte de cruz. Devemos analisar a vida de Jesus, que dizemos ser o nosso Mestre; dizemos que somos os seus discípulos para podermos realmente agir como Ele manda e agiu. Temos que saber que o Senhor não se comprometeu em nos dar bens materiais aqui, e muito menos luxo, a Promessa foi de vida eterna. O próprio Jesus nasceu na pobreza, em um local destinado a animais (manjedoura); viveu fugindo das perseguições, sofreu todos os tipos de acusações. Não tinha nenhum patrimônio, não fez nenhuma aquisição, não juntou dinheiro, e seu patrimônio foram somente as suas vestes, as quais os soldados dividiram entre si ao pé da cruz. Jesus não cobrou ou orou pedindo ao Pai qualquer coisa para Ele, o que fazia era para abençoar o povo. Não operou nenhum milagre para que pudesse ter alguma coisa, e sim para matar a fome do povo que o estava seguindo. Jesus perdoou a Judas Iscariotes, pois sabia que ele o trairia, e não fez nada contra ele. Sabia até o momento em que seria preso, mas não fugiu, ao contrário, caminhou em direção ao local onde sabia que os guardas iriam guiados por Judas. Temos que repensar que tipo de cristianismo estamos vivendo, porque falamos que o amamos, mas, na verdade, amamos somente a nós mesmos.
 "E Judas, que o traía, também conhecia aquele lugar, porque Jesus muitas vezes se ajuntava ali com os seus discípulos. Tendo, pois, Judas recebido a coorte e oficiais dos principais sacerdotes e fariseus, veio para ali com lanternas, e archotes e armas." (João 18:2-3). Jesus então vai para o horto, onde sempre ia, e Judas Iscariotes já tinha recebido escoltas, guardas para prender Jesus. Ele andou com Jesus durante três anos; comeu junto; passou a noite junto com Jesus ali mesmo, naquele horto; recebeu poder de Jesus para expulsar demônios, para curar quando o Senhor enviou os doze em duplas; viu durante aproximadamente três anos Jesus operar todos os tipos de milagres, curar as pessoas, libertar, perdoar. Esse homem era uma espécie de tesoureiro do ministério de Jesus, pois era ele que cuidava da bolsa e ainda roubava, como a Palavra fala. Esse homem não somente entregou, vendeu Jesus como também foi pessoalmente com guardas para o prender. Por tal motivo somos instruídos pela Palavra a não colocar a nossa confiança em nada, em nenhum ser humano ou em coisas materiais. Não importa quem seja, sabemos que podemos ser traídos, portanto a nossa confiança sempre tem que estar no Senhor, porque sabemos que por Ele jamais seremos traídos. Temos que orar, mas vigiar, portanto sempre tomar cuidado com o que falamos ou mostramos para as pessoas. Judas veio pronto, preparado para prender aquele que ele chamava de mestre. "Sabendo, pois, Jesus todas as coisas que sobre Ele haviam de vir, adiantou-se e disse-lhes: A quem buscais? Responderam-lhe: A Jesus Nazareno. Disse-lhes Jesus: Sou Eu. E Judas, que o traía, estava com eles". (João 18:4-5). Jesus, quando viu que eles se aproximavam, se adiantou e perguntou a quem eles buscavam, fez isso para que os seus discípulos não fossem perseguidos ou inquiridos. Jesus caminhou para a sua sentença e não titubeou, declarou que era Ele a quem buscavam. Jesus não fugiu, mas nós que falamos que somos seus discípulos, por qualquer coisinha estamos fugindo, estamos reclamando e pedindo socorro ao Senhor. Se vem alguma luta, achamos que é maldição, que é o diabo, e não paramos para pensar que pode ser a vontade de Deus. Deus amava o seu Filho, mas o enviou para sofrer e para morrer por nós, e isso Ele fez por amor. Na verdade, somos aquela raça que Jesus muito combateu, a raça de hipócritas, porque falamos uma coisa e fazemos outra, falamos que o amamos, mas não lhe obedecemos. Somos bebês chorões, pois por qualquer coisinha ficamos chorando e lamentando, esquecemo-nos dos sofrimentos do Senhor. "Quando, pois, lhes disse: Sou Eu, recuaram, e caíram por terra. Tornou-lhes, pois, a perguntar: A quem buscais? E eles disseram: A Jesus Nazareno. Jesus respondeu: Já vos disse que Sou Eu; se, pois, me buscais a mim, deixai ir estes; Para que se cumprisse a Palavra que tinha dito: Dos que me deste nenhum deles perdi." (João 18:6-9) Quando Jesus se apresentou e afirmou "Sou Eu", estava afirmando que Ele era Tudo, que era Deus, e quando Ele se revelou, o impacto dessa revelação jogou todos por terra, porque Jesus é Deus, Ele é Tudo, é o Criador, é o Senhor. Essa é uma afirmação grandiosa, e, quando eles a ouviram, caíram por Terra. Quando nós mostramos, apresentamos o Poder de Deus, as trevas caem por terra. O Nome de Jesus tem todo o Poder no céu e na terra. Mas Ele sabia que deveria obedecer ao Pai e não fugiu, e quando Pedro tentou defendê-lo, Ele disse que iria cumprir a Vontade do Pai. "Então Simão Pedro, que tinha espada, desembainhou-a, e feriu o servo do sumo sacerdote, cortando-lhe a orelha direita. E o nome do servo era Malco. Mas Jesus disse a Pedro: Põe a tua espada na bainha; não beberei eu o cálice que o Pai me deu?" (João 18:10-11). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr.Henrique Lino
Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas,  ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 
Compartilhar
  • Twitter
  • del.icio.us
  • Digg
  • Facebook
  • Technorati
  • Reddit
  • Yahoo Buzz
  • StumbleUpon

Este post tem 1 Comentários

Deixe uma resposta

Nome:: Campo obrigatório.
Endereço de e-mail: Campo obrigatório. Não é visível
Website::
Código Captcha:: Campo obrigatório.
Comentário: Campo obrigatório.

CONTATOS MINISTERIAL


Telefone (Ligação Local):
4020-9729

Whatsapp 32-984259375

LIGAR SOMENTE DE FIXO  0800 042 0257 

Correspondências:
Caixa Postal 1041 - CEP 32001-970 - Contagem-MG