Artigos


  • Novo telefone 4020-9729

    Não é necessário acrescentar DDD para ligações nacionais à distância

  • Envie Seu Testemunho

    Envie seu testemunho para ser colocado em nosso portal, com certeza irá edificar muitas vidas.

  • Pr. Henrique Lino Ao Vivo

    Mensagens fé e ousadia de segunda à sexta às 07h da manhã. Clique aqui!

  • Casamento

    Deus tem compromisso com o casamento, busque ajuda!

  • Cadastre e Receba nossas Mensagens

    Fique por dentro de tudo que acontece no meio cristão e ainda receba estudos, palavras e muito mais todos os dias gratuitamente em seu e-mail.

  • Pergunte ao Pastor

    Esclareça suas dúvidas, deixe sua pergunta para o pastor

  • Comentários: 1
  • 29 September 2017 05:21
  • em Mensagem do Dia
  • por portal
  • Visitas: 250
  • Última modificação: -/-
  • (Classificação atual 5.0/5 Estrelas) Total de votos: 1

MARIDO E MULHER

0 0
"Ora, quanto às coisas que me escrevestes, bom seria que o homem não tocasse em mulher; mas, por causa da fornicação, cada um tenha a sua própria mulher, e cada uma tenha o seu próprio marido." (1 Coríntios 7:1-2)
 
         Os coríntios tinham escrito ao apóstolo Paulo pedindo orientação sobre assuntos relacionados ao casamento e a relacionamentos, e ele respondeu de forma abrangente, explicando esse assunto de maneira clara. Inclusive, chega a ser radical a maneira como ele expõe essa questão, e muitos preferem ignorá-la e por isso sofrem. A Bíblia coloca todos os pecados sexuais dentro da qualificação de prostituição, ou seja, tanto a fornicação, que é o ato sexual entre duas pessoas sem serem casadas, como o adultério, que é o ato sexual praticado por pessoas casadas com outros que não os seus cônjuges. Isso também é aplicado para os que se separam, se divorciam e casam novamente, assim, todos os que estão envolvidos nessas questões estão praticando o pecado da prostituição e não herdarão o reino do céu. Paulo, pensando no Reino de Deus, diz que seria bom que o homem não se envolvesse com mulher, pois assim poderia se dedicar exclusivamente ao Reino de Deus, mas como o homem não consegue, e se não casar vai viver em prostituição, porque estará praticando fornicação, então que se case. O ideal seria tanto o homem como a mulher viverem dedicados ao Reino, à prática da Palavra de Deus, mas, como não conseguem isso, então que se casem, e cada um tenha o seu cônjuge, para poderem se desfrutar. Sabemos que nenhuma pessoa casada tem condições de se dedicar inteiramente à obra de Deus, porque tem a obrigação de se dedicar e cuidar do seu cônjuge, e se negligenciar isso, estará errando, pecando. "O marido pague à mulher a devida benevolência, e da mesma sorte a mulher ao marido." (1 Coríntios 7:3). Quando as pessoas se casam, devem saber que ambos têm responsabilidade um sobre o outro e que já perderam as suas individualidades, e não são mais um, e sim dois em um. Assim não existe mais o "eu", passa a ser "nós", e ambos em tudo têm a obrigação de cuidar do outro. O marido tem a obrigação, o dever de satisfazer sexualmente a esposa, de lhe dar carinho, atenção e amor, tem que compreender bem a mulher e tudo o que é inerente a ela. Igualmente, a esposa não pode se negar ao seu marido e nem apresentar desculpas. Em tudo devem estar juntos e unidos, assim o casamento é um compromisso consigo mesmo, porque entre marido e mulher não pode haver segredos, sigilos, separações. Também devem saber que, quando se casam, se afastam da proteção dos pais e passam a ser dependentes um do outro.
 "A mulher não tem poder sobre o seu próprio corpo, mas tem-no o marido; e também da mesma maneira o marido não tem poder sobre o seu próprio corpo, mas tem-no a mulher." (1 Coríntios 7:4). A mulher não pode determinar quando e como manter relação com o marido, porque, quando casou, o seu corpo passou a pertencer ao seu marido. Assim, a desculpa de cansaço, de desânimo ou dor de cabeça não pode existir, mesmo porque, negando sexo e carinho ao seu marido, estará induzindo-o a procurar fora de casa, se for um homem fraco espiritualmente. Também o marido tem que ir além, pois, além da questão sexual - uma vez que não pode deixar de atender à esposa sempre que ela quiser -, deve também atentar para o fato de que a mulher necessita muito mais de atenção e carinho do que os homens, portanto, tem de procurar sempre ser carinhoso, atencioso com ela. Assim, tanto o homem quanto a mulher casada devem viver em prol um do outro, da família, e, principalmente, observar que filhos são frutos do casamento, mas não podem ser a prioridade do casal, uma vez que a prioridade tem que ser um e outro, porque são uma só carne. "Não vos priveis um ao outro, senão por consentimento mútuo por algum tempo, para vos aplicardes ao jejum e à oração; e depois ajuntai-vos outra vez, para que Satanás não vos tente pela vossa incontinência." (1 Coríntios 7:5). Em nenhuma hipótese pode ser negado o sexo entre o casal, e se for por algum propósito, alguma consagração a Deus, que seja por um curtíssimo espaço de tempo, e logo voltem a manter a relação, exatamente para que um ou outro não fique pensando bagagens, e o diabo, usando de astúcia, conduza ao pecado do adultério. Muitos procuram apresentar desculpa para não cumprirem suas obrigações sexuais com as esposas, com o marido, alegando que estão orando, jejuando ou se consagrando, mas é desculpa e é errado, mesmo porque, para se iniciar qualquer propósito, não basta comunicar um ao outro, mas decidir de comum acordo sobre isto e por curtíssimo tempo. Se um não concordar, então que não se faça, porque, quando se casa, assume-se o compromisso de cuidar um do outro, são uma só carne. "Digo, porém, isto como que por permissão e não por mandamento. Porque quereria que todos os homens fossem como eu mesmo; mas cada um tem de Deus o seu próprio dom, um de uma maneira e outro de outra." (1 Coríntios 7:6-7). O ideal seria que nem o homem se casasse e nem a mulher, porque poderiam dedicar-se a servir ao Senhor, praticar o Evangelho na sua plenitude, mas, para evitar a prostituição, para não viverem constantemente com tesão, olhando para o sexo oposto, desejando - e só em desejar já está pecando -então que se casem, mas respeitem as leis do casamento. Devem saber que têm a obrigação de se dedicarem um ao outro, não pode se dedicar ao ministério, à igreja se isso faz com que negligencie o seu cônjuge, porque o primeiro ministério dos casados é um com o outro. Já os que são solteiros, solteiras devem se dedicar integralmente ao Senhor. "Digo, porém, aos solteiros e às viúvas, que lhes é bom se ficarem como eu. Mas, se não podem conter-se, casem-se. Porque é melhor casar do que abrasar-se. Todavia, aos casados mando, não eu, mas o Senhor, que a mulher não se aparte do marido. Se, porém, se apartar, que fique sem casar, ou que se reconcilie com o marido; e que o marido não deixe a mulher." (1 Coríntios 7:8-11).  
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr.Henrique Lino
Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas,  ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 
Compartilhar
  • Twitter
  • del.icio.us
  • Digg
  • Facebook
  • Technorati
  • Reddit
  • Yahoo Buzz
  • StumbleUpon

Este post tem 1 Comentários

Deixe uma resposta

Nome:: Campo obrigatório.
Endereço de e-mail: Campo obrigatório. Não é visível
Website::
Código Captcha:: Campo obrigatório.
Comentário: Campo obrigatório.

CONTATOS MINISTERIAL


Telefone (Ligação Local):
4020-9729

Whatsapp 32-984259375

LIGAR SOMENTE DE FIXO  0800 042 0257 

Correspondências:
Caixa Postal 1041 - CEP 32001-970 - Contagem-MG