Artigos


  • Novo telefone 4020-9729

    Não é necessário acrescentar DDD para ligações nacionais à distância

  • Envie Seu Testemunho

    Envie seu testemunho para ser colocado em nosso portal, com certeza irá edificar muitas vidas.

  • Pr. Henrique Lino Ao Vivo

    Mensagens fé e ousadia de segunda à sexta às 07h da manhã. Clique aqui!

  • Casamento

    Deus tem compromisso com o casamento, busque ajuda!

  • Cadastre e Receba nossas Mensagens

    Fique por dentro de tudo que acontece no meio cristão e ainda receba estudos, palavras e muito mais todos os dias gratuitamente em seu e-mail.

  • Pergunte ao Pastor

    Esclareça suas dúvidas, deixe sua pergunta para o pastor

  • Comentários: 1
  • 09 November 2017 01:35
  • em Mensagem do Dia
  • por portal
  • Visitas: 213
  • Última modificação: -/-
  • (Classificação atual 5.0/5 Estrelas) Total de votos: 1

JESUS EXPULSANDO

3 0
"E entrou Jesus no templo de Deus, e expulsou todos os que vendiam e compravam no templo, e derribou as mesas dos cambistas e as cadeiras dos que vendiam pombas; E disse-lhes: Está escrito: A minha casa será chamada casa de oração; mas vós a tendes convertido em covil de ladrões." (Mateus 21:12-13)
 
         Honestamente eu não sei se sou o maior ignorante que existe, porque não consigo entender a Palavra de Deus, ou se realmente os pregadores modernos, os supostos pastores, os dirigentes de congregações são pessoas que não têm temor ao Senhor, ou eles é que são ignorantes. O Evangelho de Jesus Cristo nos mostra que Jesus está vivo e viverá para sempre, e diz que Ele é o mesmo sempre "Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje e eternamente". (Hebreus 13:8) e esse é o princípio da nossa fé. Conhecemos Jesus pregando, curando, salvando, libertando os cativos de toda espécie de males, entretanto vemos Ele agir com dureza, com violência, com raiva quando se depara com comércio no templo. O Senhor encontrou o comércio não foi nem mesmo dentro do templo, mas no pátio, no átrio exterior, e Ele expulsou, derrubou as mesas e proibiu de maneira categórica todo o tipo de comércio. O Apóstolo João, mais detalhista, nos conta que Ele fez um chicote para expulsar todos os comerciantes: "E achou no templo os que vendiam bois, e ovelhas, e pombos, e os cambiadores assentados. E tendo feito um azorrague de cordéis, lançou todos fora do templo, também os bois e ovelhas; e espalhou o dinheiro dos cambiadores, e derribou as mesas; E disse aos que vendiam pombos: Tirai daqui estes, e não façais da casa de meu Pai casa de venda. E os seus discípulos lembraram-se do que está escrito: O zelo da tua casa me devorou." (João 2:14-17) Portanto, sabemos que o Senhor não permite nenhum tipo de comércio no interior ou no pátio dos templos, e não falamos de comércio de outros produtos comuns, mas do que eles chamam produto de evangelização, porque o que os comerciantes da época estavam vendendo eram animais para os sacrifícios e holocausto que eram exigidos na época, e os cambistas estavam ali para trocar as moedas para quem vinha de longe, e assim poderem ofertar e dizimar no templo, uma vez que o templo tinha moeda própria. Assim, o Senhor não permite, não concorda e nem aceita venda de nada, nem de bíblias, CDs, DVs, livros, óleos ou qualquer outra coisa, e muito menos outros produtos, tais como viagens a Israel, ou rifa, acampamentos, e mais um monte de coisa que é livremente comercializado nos interiores dos templos, melhor dizendo, nos altares, nos púlpitos.
 "E foram ter com Ele no templo cegos e coxos, e curou-os. Vendo, então, os principais dos sacerdotes e os escribas as maravilhas que fazia, e os meninos clamando no templo: Hosana ao Filho de Davi, indignaram-se E disseram-lhe: Ouves o que estes dizem? E Jesus lhes disse: Sim; nunca lestes: Pela boca dos meninos e das criancinhas de peito tiraste o perfeito louvor?" (Mateus 21:14-16). Portanto, eu não consigo entender o porquê de a maioria dos templos comercializar coisas nos seus interiores, e, ainda, a maioria dos que se dizem crentes, mesmo sabendo que isso é errado, concordam e ainda fazem compras. Quanto maior o templo, maior é o comércio, alguns parecem shoppings, pois têm de tudo: restaurantes, lanchonetes, cantinas, livrarias, e muito mais Uma comercialização, mercantilização desenfreada, e o povo apoiando, comprando e não olhando para o Evangelho, não olhando para Jesus. Será que acham que podem ignorar algum preceito do Senhor? E mesmo se fosse o menor deles, será que poderemos ignorar, principalmente esse que foi quando Jesus irou e agiu com violência por causa desse pecado, dessa desobediência? O fato é que todos os que vendem ou compram alguma coisa nos templos estão se rebelando contra o Senhor, e com certeza sabemos que os desobedientes não herdarão o Reino de Deus. Jesus, depois de purificar o templo, isto é, expulsar a sujeira que eram os comerciantes, Ele se dedica a curar os enfermos, os doentes, os aleijados, a libertar os cativos. Mas os principais dos sacerdotes, a nata da religião, os dirigentes do templo ficaram com raiva, se iraram contra Ele, principalmente porque Ele tinha proibido o comércio e esses levavam comissão das vendas. Assim como os sacerdotes atuais, os líderes desses templos onde o comércio é livre ficam com raiva, irados, quando mostramos que estão errados, que estão em desobediência, que estão fazendo o povo pecar vendendo as coisas nos templos. Depois de responder aos sacerdotes, como já era tarde, Jesus se retirou para o horto, para os jardins, onde passou a noite. O Nosso Senhor não tinha riquezas nem mansões, e muito menos ficava hospedado em hospedaria. Quando estava viajando, Ele dormia ao relento, porque não tinha recursos, não era rico, não era próspero. Se fosse nos dias de hoje, diriam que Ele estava em pecado, porque não tinha dinheiro para ficar em um bom hotel, ou viajar de primeira classe. "E, deixando-os, saiu da cidade para Betânia, e ali passou a noite. E, de manhã, voltando para a cidade, teve fome; E, avistando uma figueira perto do caminho, dirigiu-se a ela, e não achou nela senão folhas. E disse-lhe: Nunca mais nasça fruto de ti! E a figueira secou imediatamente." (Mateus 21:17-19). Não havia nenhuma mesa farta, mas o tempo todo estava nos ensinando como viver de maneira santa, que agradasse a Deus. Infelizmente, o que muitas igrejas, denominações pregam e ensinam não é o Evangelho de Jesus Cristo, porque não ensinam a Verdade, mas outra coisa qualquer. São comerciantes da fé, vivem pregando mentira, extorquindo as ovelhas, tirando a lã, vivem falando contra o Evangelho, criando religiões paralelas, mas todas com o mesmo nome de evangélicas. Temos que abrir os olhos, voltar ao Evangelho, voltar à Verdade, voltar a Jesus. "E os discípulos, vendo isto, maravilharam-se, dizendo: Como secou imediatamente a figueira? Jesus, porém, respondendo, disse-lhes: Em verdade vos digo que, se tiverdes fé e não duvidardes, não só fareis o que foi feito à figueira, mas até se a este monte disserdes: Ergue-te, e precipita-te no mar, assim será feito; E, tudo o que pedirdes em oração, crendo, o recebereis." (Mateus 21:20-22). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr. Henrique Lino
Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas,  ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 
Compartilhar
  • Twitter
  • del.icio.us
  • Digg
  • Facebook
  • Technorati
  • Reddit
  • Yahoo Buzz
  • StumbleUpon

Este post tem 1 Comentários

Deixe uma resposta

Nome:: Campo obrigatório.
Endereço de e-mail: Campo obrigatório. Não é visível
Website::
Código Captcha:: Campo obrigatório.
Comentário: Campo obrigatório.

CONTATOS MINISTERIAL


Telefone (Ligação Local):
4020-9729

Whatsapp 32-984259375

LIGAR SOMENTE DE FIXO  0800 042 0257 

Correspondências:
Caixa Postal 1041 - CEP 32001-970 - Contagem-MG